Blogs e Colunistas

pílula anticoncepcional

10/05/2011

às 12:43 \ Tratamento

Problema capilar em mãe e filha


Eu tenho há muito tempo um problema sério de calvíce no alto da cabeça. Sofro com isto, pois sempre tive cabelo farto e bonito. Tenho uma filha de 15 anos que também está com o cabelo muito fraquinho na parte de cima. Não sei o que fazer, já fomos ao dermatologista, mas a fórmula que ele passou não adiantou.
(Haydée )

Existem vários motivos que desencadeiam queda de cabelos em mulheres, por exemplo, stress. Também é possível haver queda de cabelos como consequência de desequilíbrio hormonal, carência de ferro, ou uso de alguns medicamentos. Tudo isso precisa ser investigado pelo dermatologista. Descoberta a causa da queda, ela pode ser corrigida.
Mas também existe o que chamamos de “calvície feminina”, que é uma tendência genética a perder cabelos, principalmente da parte superior do couro cabeludo. Os fios ficam progressivamente mais finos e ralos. As mulheres afetadas quase nunca percebem o problema no início e, ao se darem conta, os fios já estão enfraquecidos.

Quanto antes se diagnosticar esse padrão feminino de calvície, melhor. Casos duvidosos podem se beneficiar de um teste genético. Além de ajudar a definir o diagnóstico em uma mulher com suspeita de calvície feminina, o teste define uma probabilidade de o problema acontecer no futuro em mulheres com histórico familiar de calvície. O tratamento, que reduz a influência hormonal no cabelo, precisa começar o mais precocemente possível, e deve ser mantido por tempo indefinido, talvez para sempre. Uma opção é a pílula anticoncepcional, particularmente pílula com efeito anti-andrógeno. Outra opção, usada principalmente em mulheres na menopausa, é a finasterida por via oral (a finasterida é teratogênica, o que significa que se uma grávida tomar, o bebê pode ter malformação).  Mas existem outras possibilidades, e a melhor indicação varia caso a caso.

Retorne ao seu dermatologista, e leve sua filha junto. Discuta essas questões com ele e tenha em mente que os resultados do tratamento capilar nem sempre são rápidos.

Por Lucia Mandel

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados