Blogs e Colunistas

17/05/2011

às 8:27 \ Beleza, Corpo

Braços e coxas com bolinhas


As aparências enganam. Isso pode ser verdade até mesmo no caso da pele. A pessoa acha que está com acúmulo de cravos e espinhas nos braços e coxas. Então procura um dermatologista. Mas no consultório descobre que não era o que pensava: o que ela tem é queratose pilar, uma característica de pele muito comum e sem relação nenhuma com espinhas.

Uma questão genética
A queratose pilar é genética e muitas vezes o pai, a mãe ou outro parente também são portadores. E quem tem queratose pilar também tem maior tendência a desenvolver alergias de pele, asma ou rinite.

O que fazer?
A pele com queratose pilar fica ressecada, avermelhada e com bolinhas. Por mais difícil que seja, não ceda à tentação de cutucar. Não adianta nada, pelo contrário: agrava o problema, porque as bolinhas inflamam.

Em vez de cutucar, trate-se. Um bom tratamento pode não melhorar completamente, mas suaviza bem: as bolinhas se tornam menos evidentes e a pele fica macia, hidratada e agradável ao toque. E, para que a queratose não se acentue novamente, você precisa manter o tratamento indefinidamente.

É importante não exagerar no uso de sabonetes. Eles removem a camada de gordura protetora que mantém a hidratação natural da pele. Como a queratose pilar acontece em áreas com predisposição ao ressecamento, o excesso de sabonete agrava a situação. Uma sugestão é usar sabonete suave, como de glicerina, ou específico para pele ressecada e sensível. Outra dica: evite fazer esfoliação no banho. Apesar de parecer uma solução lógica e ser tentadora, a esfoliação não retira as bolinhas e ainda pode aumentar o ressecamento da pele.

Use um bom hidratante durante o dia e cremes à base de ácidos à noite. Os ácidos mais indicados nesse caso são o retinóico e o glicólico, mas a escolha do melhor produto depende da avaliação do médico. Evite usar roupas apertadas e de tecido sintético, que provocam atrito e irritam a pele já sensível.

Se o dermatologista julgar apropriado, podem ser realizadas sessões de peeling de cristais ou peelings químicos, que encurtam o tempo de tratamento.

Por Lucia Mandel

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

8 Comentários

  1. franciele

    -

    25/03/2013 às 12:14

    ainda nao sei se tenho queratose, mas meu braco e cheio dessas bolinhas. tambem tinha nas coxas mas sumiram agora so ficou mesmo no braco e nas costas..o que fazer..

  2. Rosi

    -

    03/01/2012 às 0:06

    o meu filho tem 11 meses e foi diagnosticado pelo dermatologista que ele tem queratose, é possível em bebês, tem cura e duração? os caroços aparecem na face do rosto, nos braços, nas pernas e no bumbum.

  3. Luiza

    -

    30/12/2011 às 0:57

    Nada a ver. O melhor tratamento é com ácido salicílico a 5%. Ácido glicólico funciona também mas o salicilico ELIMINA o problema em mim. Eu tenho queratose pilar e já fiz muita pesquisa sobre o assunto. Não há muita informação sobre queratose pilar em português, a maioria do conteúdo na internet está em inglês. Digite keratosis pilaris e terá muitos resultados com informações relevantes, só que em inglês.

  4. shiley

    -

    21/11/2011 às 17:20

    Tenho queratose pilar nos braços nas pernas e no bumbum minha dermatologista me receitou roacutan.

  5. rock

    -

    16/07/2011 às 22:53

    mediga como fazer pras bolinhas desapareserem

  6. macaca velha

    -

    23/06/2011 às 23:03

    esfoliar 1 vez por semana é indicado se for feita hidratação diária com produto específico.

  7. sarah

    -

    24/05/2011 às 15:47

    porque as bolinhas nos meus braços marcam e coçam tanto ?

  8. pop

    -

    17/05/2011 às 9:32

    Sei. Esfoliar não pode, mas peeling de cristais pode. Entendí.

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados