Para que serve a escola e o que ela deve ensinar?

Livro apresenta uma visão crítica fundamentada e profunda sobre o principal tema da educação: para que serve a escola e o que ela deve ensinar?

Quando ninguém educa” (Editora Contexto) é o título de um livro cujo leitura recomendo. O autor é Ronai Rocha, filósofo e professor da Universidade Federal de Santa Maria. Com uma linguagem simples e clara, a obra trata de problemas concretos que deveriam interessar a todos os brasileiros. O subtítulo “questionando Paulo Freire” vai incomodar muita gente. Confira.

A tese está no título: o sistema escolar brasileiro está baseado em ideias e premissas equivocadas. Muito populares, essas ideias são divulgadas há décadas pelas faculdades de educação e gozam de uma aceitação acrítica pela esmagadora maioria dos educadores brasileiros. Elas se baseiam em autores e teorias que, embora muito populares no Brasil, não emplacaram em nenhum outro país.

O foco do livro é o currículo, o que se deve ensinar e o que está por detrás das discussões sobre o que e como ensinar. O autor mostra como a maioria dos educadores brasileiros – inclusive a mais importante rede de pesquisas em educação – se posiciona contra a ideia de currículo. As dificuldades na elaboração da BNCC – a Base Nacional Curricular Comum e o próprio resultado obtido – refletem as reservas que os educadores brasileiros mantêm a respeito do assunto.

Trata-se de leitura fácil, interessante, por vezes divertida, que toca nas questões do dia a dia dos pais, professores e educadores.

Para quem acredita nas ideias que dominam o imaginário dos educadores brasileiros, trata-se de uma oportunidade para refletir e questioná-las. Para quem tinha dúvidas ou não compartilha dessas ideias, o livro apresenta uma visão crítica fundamentada e profunda sobre o principal tema da educação: para que serve a escola e o que ela deve ensinar?

Este livro constitui um excelente instrumento para iniciar um debate que o país não consegue estabelecer.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Alex Sandro Silva

    “O sistema educacional está doente, formando pessoas doentes, para uma sociedade doente.”

    Curtir

  2. Alex Sandro Silva

    “Um país se faz com homens e livros. Quem mal lê, mal ouve, mal fala e mal vê.”

    Curtir

  3. R Cesare Bernardelli Daneluzzi Nardini de Araujo

    Valle mesmo… Ella serve para semear os mínimos múltiplos comuns no celeiro do ceifador, de maneira a obter a qualquer tempo o necessário contingente de imbecis a servir as demandas do sistema militarmente planejado há milênios, quiçá por ETs criadores da Suméria… Sim a brincadeira passou longe e a conspiração queima etapa de entendimento. Se não for para servir ao sistema governamental, seria um erro educar, para qualquer que fosse o governo, não é mesmo… Já viu alguém plantar bucha morrendo de fome por cereais? Preste atenção moçada. Vida de gado, engorda de gado, ração para gado, marca de gado, povo Felix… E Neymar traiu depois de ter sido venal? Sim ou não?… Comente em até 20 linhas o pensamento do dia. Rarará…

    Curtir

  4. Francisco Angelo Elpidio da Silva

    Em 2018 haverá eleição, aí tem quem diga que é só não votar nos mesmos, parece fácil de resolver mas não é. Milhões de brasileiros desempregados, com contas atrasadas, endividados, negativados, aí chegam esses políticos corruptos que juntaram dinheiro para esse fim e oferecem ajuda, essas famílias vão enaltecer esses políticos, eles serão chamados de filhos de Deus, anjos, homens de bom coração, essa é a estratégia, manter o povo na miséria, sofrendo, necessitado, pois assim essas pessoas se tornam presas fáceis.

    Curtir