Se o paraíso islâmico tem 72 virgens, que interesse despertaria em uma mulher-bomba?

  A tradição islâmica diz que os os homens que morrem como mártires em nome de Alá têm direito a 72 virgens no paraíso. Para as mulheres mártires, por sua vez, é prometido apenas um homem. Como alguém pode dizer que essa conta não fecha, então vale ficar atento às nuances. Ter um único homem no paraíso não […]

Hasna Aitboulahcen, mulher-bomba do Estado Islâmico, que se explodiu em Saint Denis, na França

Hasna Aitboulahcen, mulher-bomba do Estado Islâmico, em Saint Denis, na França

 

A tradição islâmica diz que os os homens que morrem como mártires em nome de Alá têm direito a 72 virgens no paraíso. Para as mulheres mártires, por sua vez, é prometido apenas um homem. Como alguém pode dizer que essa conta não fecha, então vale ficar atento às nuances.

Ter um único homem no paraíso não seria uma desvantagem porque as mártires ficariam satisfeitas com ele. Segundo alguns clérigos islâmicos, enquanto o homem tem capacidade para amar mais de uma companheira; a mulher, por natureza, só consegue amar um homem.

Esse homem também não seria qualquer um, pois seria perfeito. “Ele poderia ser o marido que elas tiveram em vida, então não necessariamente há uma troca”, diz a canadense Mia Bloom, autora do livro Bombshell e professora da Georgia State University, nos Estados Unidos. Outro benefício de estar no paraíso seria sentar-se ao lado de Maomé.

Conta ainda que os mártires poderiam interceder em favor de setenta parentes no dia do julgamento final. Os pecados e transgressões deles seriam perdoados e todos se encontrariam no paraíso. “As mulheres pensam que terão a possibilidade de ajudar a comunidade e de fazer algo altruísta”, diz Mia.

Antes de fechar este post, vale fazer três adendos:

1. O Corão não promete o número de “72 virgens”. Apenas fala em companheiras femininas para os fiéis (não apenas para os mártires). O número 72 vem da Hadith, o conjunto de narrações tradicionais de palavras e atos de Maomé;

2. A crença de que cada muçulmano tem direito a 72 virgens sofreu variações ao longo do tempo. Autores medievais já escreveram que, entre as recompensas, haveria também os ghilmaan: rapazes brancos como pérolas. Eles estariam prontos para servir os mártires pela sua fé, segundo o livro A História da Sexualidade, de Peter Stearns (Contexto);

3. Entre as coisas ditas pelos terroristas para as mulheres está que elas poderiam renascer em uma versão melhorada, mais perfeita, mais amável, sem cicatrizes e que não iriam menstruar.

Siga no Twitter e Facebook.

 

 

 

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    usuario

    Acho quem escreveu essa bíblia deles foi satanás,para engánalos e fazer com que matem pessoas inocentes,72 virgens e acreditam são ignorantes!

    Curtir

  2. Comentado por:

    Antonio Garcia

    Sura 56:017 E serão atendidos por mancebos sempre jovens e sura 56:35 e 36- E criamos as huris, fazendo-as sempre virgens.
    Essa é a promessa no ardim das delicias para os muçulmanos.
    Uma coisa doentia, sexual ente doentia.
    Coisa ditada por um profeta assassino, pedofilo, que decapitava, roubava e escravizava. Foi envenenado por uma de suas escravas. E essa pessoa obscura é o mensageiro de Deus? Só se for o Deus do mal.

    Curtir

  3. Comentado por:

    josoi mendes

    vai que ela é lésbica kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Curtir

  4. Comentado por:

    Renato

    Desde quando se suisidar é ser mártires, pelo que eu sei mártires é pessoas que são perseguidas morreram assassinadas por causa de sua fé, e nao um duente que se mata.

    Curtir

  5. Fernanda Albuquerque

    Segundo alguns clérigos islâmicos, enquanto o homem tem capacidade para amar mais de uma companheira; a mulher, por natureza, só consegue amar um homem.

    Mentira. Mulher também tem capacidade para amar mais de um homem e tenho dito.

    Curtir

  6. Marcos Duque

    72 virgens para fazer o quê, na verdadeira Casa de Alá? Vão esperar ele dar uma saidinha antes, é?

    Curtir