Valentina de Botas: O sacerdote que se pretendia intocável foi desmascarado

VALENTINA DE BOTAS Às vezes nossos desacertos se acertam com os do mundo e algo bom acontece: no aniversário de 36 anos do PT, quem comemora é o Brasil que presta.

VALENTINA DE BOTAS

Às vezes nossos desacertos se acertam com os do mundo e algo bom acontece: no aniversário de 36 anos do PT, quem comemora é o Brasil que presta.

Gosto de ler jornais e revistas velhos. Os astrônomos dizem que estamos vendo o céu de 2012. Li isso em janeiro numa revista científica de julho do ano passado, lá no dentista. Paciente dele há décadas, o doutor mantém as revistas antigas por afetuosidade. Uma bobagem, não? Mas essas coisas – à toa assim, despretensiosas e simbólicas, indeléveis na sua delicadeza – são o ninho do afeto.

Que Brasil é este que vemos no 36º aniversário do PT? Todos os índices mostram um país que regrediu, em muitos fundamentos econômicos e sociais, para níveis dos anos 90; o descalabro fiscal do governo ladrão e inepto, somado aos vícios estruturais, levou não somente à diminuição da produção de riqueza como à corrosão da riqueza produzida; a Lei de Responsabilidade Fiscal foi morta pelas pedaladas de Dilma Rousseff devolvendo o Estado à pré-história republicana.

Saúde e educação não escaparam do sucateamento, nem a infraestrutura e a segurança pública no que também compete ao governo federal. A política externa inovou, avançando no primitivismo: nunca estivemos tão resolutamente do lado de bandidos internacionais. Os pastores do atraso tiveram em Lula – o farsante que dissimulava a essência primitiva na aparência do operário que revolucionaria o país – o sacerdote ideal e fizeram o diabo para protegê-lo para, assim, também proteger os próprios desejos, negócios, amantes, famílias, caprichos e o vidão, afinal, ninguém é de ferro.

A proteção exigiu a cópula ininterrupta entre o público e o privado nesse viveiro repugnante para a constante geração de mentiras; disfarçou-se em devoção à causa tão delinquente que, alegadamente pelo nosso bem, só se nutriu do nosso mal. A aparência do sacerdote era a imunização contra a lei, as críticas, a luz e a verdade. Na clivagem vigarista da nação entre nós e eles, no discurso de ódio aos opositores tolerado pelos que agora se levantam contra o “ódio fascistoide da nova direita”, no financiamento do JEG, no mensalão, nas negociatas com antigos inimigos políticos, na desinstitucionalização da república, o jeca atrofiou a nossa incipiente política de tal modo que ela não o detivesse.

Assim, coube à Justiça revelar a essência do sacerdote miserável àqueles que ainda acreditavam na aparência e impor aos comparsas dele a abolição da farsa que patrocinaram. A Lava Jato e as investigações que chegaram ao sítio e ao tríplex educam uma geração inteira ao colocar na cadeia delinquentes com poder político e econômico e desmascarar o sacerdote que se pretendia intocável, coisa impensável desde sempre: desacertos nossos tão singulares que, a partir deles, nos acertamos com o mundo civilizado saltando para um futuro que sempre pareceu utópico.

Isso melhora o país submetido ao retrocesso que lhe custará um bocado do futuro. Enquanto o Brasil que presta deve comemorar o novo patamar civilizatório, o PT, na festa tristonha, comemora o anúncio da PF de que investigará as inúteis confusões íntimas de Mirian Dutra. A nação esbulhada pode deixar o passado para trás; o PT, desesperado por um passado incessante, asfixia-se.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    flavioz

    Não custa aqui repetir uma velha expressão popular “praga ruim, não morre”. O partideco putrefata em vida, se decompõe, não na ética nunca tida, mas na imoralidade igual tal tendo a guerra supostamente ganha se lança aos despojos e estupros cegos e cegos na carniça se expõe ao contra ataque da decência e de snipers que não se curvam ante falsas moedas nesse nobre e augusto espaço de tiro certeiro. Morre o partido da indecência, no entanto seus esporos se espalham, e tal qual zumbis não perdem o gosto da carne podre e irão, mesmo cambaleando, montados em suas ideologias torpes apascentar farrapos da militância em novas velhas siglas psolistas, pcolistas e quejandos e, em coro nas mesmas missas negras. Morreu o nefasto, viva o nefando! Praga ruim não morre… Será? Que pesadelo!!!

    Curtir

  2. Comentado por:

    Maria Neuma

    Pode até ser que tenham endeusado essa coisa que vocês chamam de lula. Mas, me desculpem: faltou-me apenas chorar, quando vi a burrada colossal que mais da metade dos eleitores brasileiros cometeu, levando essa grotesca figura a comandar os desmandos gigantescos que hoje vemos. Bastaria o exemplo da Polônia que aquele sindicalista incompetente deu ao mundo para que os brasileiros pensassem duas vezes, antes de levar o país à derrocada, mesmo que considerassem essa aberração a oitava maravilha do mundo. Pecado imperdoável e – pior! – pode não ter conserto.

    Curtir

  3. Comentado por:

    Paulo Henrique

    O PT ESTRAGA:
    BRASÍLIA – O rombo acumulado dos quatro principais fundos de pensão de estatais — Correios (Postalis), Petrobras (Petros), Caixa Econômica Federal (Funcef) e Banco do Brasil (Previ) — deve ter ultrapassado R$ 46 bilhões em 2015.
    http://oglobo.globo.com/economia/rombo-nos-fundos-de-pensao-deve-ultrapassar-46-bilhoes-18673108
    O PSDB CONSERTA:
    Meus amigos, como disse a vocês durante a semana, apresentei, no Senado Federal, um substitutivo ao projeto do senador Paulo Bauer, que tem também importantes contribuições do projeto do senador Valdir Raupp, relatado pela senadora Ana Amélia.
    Esse projeto tem importância fundamental para esse momento da vida do país, pois vai evitar o vergonhoso uso político que o governo do PT vem fazendo dos fundos de pensão. É possível que ele entre em votação nos próximos dias. Vamos aguardar. – Aécio Neves
    https://www.facebook.com/AecioNevesOficial/posts/1179994108712135

    Curtir

  4. Comentado por:

    Textículos do Jota (ES)

    É preciso ser muito cínico para o “anos do Lulla” continuar sustentando tanta mentira em tão longo espaço de tempo. Ideal para o país que presta seria que a esquerda desistisse de lutar pelo crime e pela falsidade do virtual para encarar a realidade dos fatos. Não há mais uma “alma viva dêxti paíf” capaz de sustentar que o demiurgo esquerdista, mergulhado de ponta-cabeça no petrolão, não tenha um celular sequer à sua disposição. Até criança de colo sabe do múltiplo “X” envolvendo imóveis em Atibaia e no Guarujá, rolos com Cooperativa Habitacional fajuta e países totalitários companheiros, e maracutaias com “acarajés” e “pixulecos” que viraram barco de alumínio, instituto de araque e palestras que só existem na cabeça baldia de okamotos empedernidos. Nunca antes na história do Brasil a inteligência do cidadão de bem foi tão ofendida. Dia desses brinquei com um lulopata irrecuperável: “Sabe quem convenceu Judas a entregar Jesus?”. Ele me perguntou: “Quem?”. E eu lhe respondi: “FHC”. Ele gargalhou. É isso. Até trazer o ex-presidente à baila sempre que descoberto um novo escândalo lulopetista perdeu o prazo de validade. Sem argumentação que convença, os defensores do indefensável decidiram, então, desenterrar o tal, como escreve a ilustre de Botas, “discurso do ódio fascistoide da nova direita”. Antes de tudo, se há uma “nova direita”, a “velha direita” deve ser os presos políticos de Cuba e os milhões de chineses, ucranianos e norte-coreanos trucidados pelo “velho capitalismo de Estado” dos seus países. Quem é, afinal, que tem praticado o “discurso do ódio” durante todos esses anos de lulopetismo? A excreção é de Lulla, o sacerdote desmascarado: “Pela primeira vez não vamos ter um candidato de direita na campanha. Não é fantástico isso? Vocês querem conquista melhor do que numa campanha neste país a gente não ter nenhum candidato de direita? […] Era inimaginável até outro dia que chegássemos a esse momento no Brasil. Não tem um candidato que represente a direita. É fantástico”. Veja só a que ponto a nação que presta permitiu que o maior líder do esquerdismo tupiniquim chegasse. Quer exemplo de “discurso do ódio” ou “fascistoide” mais autêntico do que essa excreção do Papa Pixuleco 13? Segundo sua “santidade”, a partir daquele “momento inimaginável e fantástico”, a esquerda poderia roubar sem ser incomodada pela “direita”. Quem é fascista é a esquerda. Quem divide a humanidade em classes e raças é a esquerda. Quem luta pela prevalência dos valores coletivos sobre os individuais é a esquerda. Quem quer que o indivíduo seja “representado” por um governo centralizado na figura de um ditador é a esquerda. O guia fascista que prega “com ódio ou sem ódio vão ter que me engolir” está no poder e é alcunhado pelos seus comparsas de “Brahma”. E por aí seguem impunemente as atrocidades intelectuais diuturnas e “noturnas” da esquerda. A grande verdade é que o objetivo da esquerda é exterminar a ordem e o progresso para implantar o caos rumo ao homem como servo do Estado. Não podemos nos esquecer de que é esse “matiz ideológico” que continua com a caneta na mão ditando normas no país. Não é por acaso que, de tanto ir de cá pra lá e de lá pra cá, passar o tempo estocando vento e tentando criar um “pré-sal” eólico só para chamá-lo de meu, a pau-mandado do sacerdote desmascarado está com milhões de pés no traseiro. O PT é apenas uma pedrinha de gelo de um iceberg de podridão. Mais importante do que “despetetizar” a máquina pública, é necessário “desesquerdizar” o Brasil.

    Curtir

  5. Comentado por:

    Maria

    Parabéns pelo belo e poético texto.
    Sua ligação afetiva com as coisas que a cercam demonstram sua grande sensibilidade.
    Descreve o país como ele é..todos os meandros,falcatruas,artimanhas dos nossos mandatários,tudo com suavidade e charme,o que faz com que tudo fique ainda mais forte.
    Imprescindível leitura.
    Merece ser divulgada por todos.

    Curtir

  6. Comentado por:

    cidadãos em ação

    Nós que frequentamos este blog, estamos sabendo de 13/03,a maioria da população, não. Então façamos nossa parte, multiplique o convite de todas as formas possíveis, trabalhe “seu marqueteiro patriota” interior, ouse. Os jovens não estão sabendo.
    Só assim haverá mais gente na manifestação. Faça a sua parte e esqueça a dos outros, pois só podemos garantir nossas próprias ações.
    13/03- conquista do trabalho sério e persistente de divulgação de cada um de nós.
    https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1705247159733791&set=p.1705247159733791&type=3&theater
    DIVULGUEM.
    Apoio a PF(Gravíssimo:Lula, com novo ministro da justiça do PT, provavelmente vai interferir na PF, trocando o diretor da mesma, prejudicando trabalho da MPF e Moro)

    Curtir

  7. Comentado por:

    cidadãos em ação

    Nós que frequentamos esse site, estamos sabendo de 13/03,a maioria da população, não. Então façamos nossa parte, multiplique o convite de todas as formas possíveis, trabalhe “seu marqueteiro patriota” interior, ouse. Os jovens não estão sabendo.
    Só assim haverá mais gente na manifestação. Faça a sua parte e esqueça a dos outros, pois só podemos garantir nossas próprias ações.
    13/03- conquista do trabalho sério e persistente de divulgação de cada um de nós.
    https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1705247159733791&set=p.1705247159733791&type=3&theater
    DIVULGUEM.
    Apoio a PF(Gravíssimo:Lula, com novo ministro da justiça do PT, provavelmente vai interferir na PF, trocando o diretor da mesma, prejudicando trabalho da MPF e Moro)

    Curtir

  8. Comentado por:

    Banga

    O Rui Falcão quado externar sua opinião em publico lembre-se que não fala só asneiras para os companheiros que as acata muito bem,mas os pensantes,pelo amor de Deus na fale tanta besteira.Pedalinho não é de Lula é de Marisa sua mulher.tenha dó.

    Curtir