Teoria e prática

“Acho que a opinião pública tem de entender primeiro, e acho que o Congresso tem de fazê-la entender. Tem de contribuir para isso. Temos de abrir a discussão, tem de falar. O que não é possível é a tese no Brasil de que é possível ter saúde de qualidade sem mais dinheiro per capita. Não […]

“Acho que a opinião pública tem de entender primeiro, e acho que o Congresso tem de fazê-la entender. Tem de contribuir para isso. Temos de abrir a discussão, tem de falar. O que não é possível é a tese no Brasil de que é possível ter saúde de qualidade sem mais dinheiro per capita. Não é. Isso é uma obrigação minha explicar.”

Dilma Rousseff, informando em dilmês castiço que,ao contrário do que tem ocorrido há oito meses e meio, o povo precisa entender o que a presidente está obrigada a explicar.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s