Blogs e Colunistas

Pouca Saúde e Muita Saúva

02/04/2012

às 17:50 \ Direto ao Ponto

A aula-relâmpago de Deonísio da Silva

Como sempre, Deonísio da Silva foi direto ao ponto. Confiram mais uma aula-relâmpago do grande escritor:

O presidente da Hungria acaba de renunciar porque falsificou sua tese de doutoramento, embutindo nela mais de uma centena de páginas de um pensador búlgaro que escrevera em francês. Lula jamais correu esse risco porque nunca escreveu nada, sequer um bilhete. Mas o ministro da Educação, Aloízio Mercadante, como defendeu sua tese? Constituindo uma banca de funcionários a ele subordinados para aprovar um texto mal ajambrado a que chamou de tese! E alguns deles em seguida foram promovidos. Por ele, pelo recém-doutor! FHC tem razão: sempre existiu corrupção no Brasil, mas os rumos que ela tomou ultimamente deixam-nos todos apreensivos.

Voltei. Mário de Andrade anda mais atual do que nunca: pouca saúde e muita saúva (no poder), os males do Brasil são. (AN)

 

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados