Os presos políticos libertados rejeitam a falsa alegria de quem lhes negou socorro

“Fiquei tão feliz com a libertação como fiquei quando fui solto da cadeia em 1980″, fez de conta Lula ao saber do embarque para a Espanha de 11 presos políticos que, há quatro meses, comparou aos bandidos comuns de São Paulo. Como os jornalistas não perguntaram se ficaria igualmente feliz com a soltura dos chefes […]

“Fiquei tão feliz com a libertação como fiquei quando fui solto da cadeia em 1980″, fez de conta Lula ao saber do embarque para a Espanha de 11 presos políticos que, há quatro meses, comparou aos bandidos comuns de São Paulo. Como os jornalistas não perguntaram se ficaria igualmente feliz com a soltura dos chefes do PCC, os próprios cubanos cuidaram de implodir a fantasia eleitoreira nesta manhã de quinta-feira, durante a entrevista coletiva concedida em Madri por sete vítimas da ditadura caribenha.

“Lula diz que está feliz com a nossa liberação, mas nós estaríamos felizes se tivesse advogado por Orlando Zapata Tamayo”, lembrou Omar Rodríguez Saludes. “Ele estava apertando a mão de Fidel e Raúl e não levantou a voz para salvar uma vida. Aliou-se ao crime e não à Justiça. Zapata teria possibilidades de sobreviver se Lula tivesse intercedido pessoal e publicamente por ele”.

Depois de revelar que os presos de consciência foram confinados em celas infestadas por ratos e baratas, e sobreviveram a surtos de dengue e tuberculose, Julio César Gálvez deixou claro que todos sabem de que lado o presidente brasileiro está. “O que podemos esperar de Lula?”, ironizou. “Não podemos esquecer que sempre foi amigo de Fidel Castro. Ele não precisa criticar nem felicitar ninguém. Bastaria ser solidário conosco e apoiar a restauração da liberdade e da democracia em Cuba”.

Os entrevistados consideraram insultuosa a comparação que Lula improvisou. “Fomos perseguidos porque nossas opiniões não agradam ao governo de Havana”, resumiu Ricardo González Alfonso. “É óbvio que somos diferentes dos criminosos de São Paulo”.

Só agora Lula ficou feliz com a libertação dos presos sem culpa. Celso Amorim acaba de descobrir que “esse é o caminho certo”. E Marco Aurélio Garcia, ainda na África, tentou estuprar a verdade com a versão de que o governo brasileiro, com a discrição habitual, teria participado das negociações que envolveram exclusivamente a Espanha e a Igreja Católica ─ e já salvaram 11 vidas .

Se tivesse aparecido em Madri para cumprimentar os cubanos, a trinca descobriria como reage uma plateia não amestrada quando ouve mentiras.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    José

    A propósito. Alguém sabe onde estão e o que aconteceu aos atletas que o comissário Tarso Genro devolveu à Cuba no PAN do Rio, aquele em que Lula foi formidavelmente vaiado?

    Curtir

  2. Comentado por:

    antonio otto

    Infelizmente essas VERDADES só são publicadas pela VEJA.

    Curtir

  3. Comentado por:

    antonio otto

    cont.o lula provou que não sabe é nada.Os 11 presos correspondem as idéias da quase totalidade dos hermanos Cubanos, com excessão dos amigos do lula(irmãos Fidel Castro) o próprio lula e seus capachos.Isso é uma VERGONHA ser governado por um Presidente como este.

    Curtir

  4. Comentado por:

    Márcio Domingos de Almeida

    Não há óleo de peroba que chegue para tanta cara de pau!

    Curtir

  5. Comentado por:

    antonio

    lula , el covardon!!!!!!!!!!!!

    Curtir

  6. Comentado por:

    luiz antonio – rj

    “lamento que alguem se deixe morrer e fiquei tão feliz” são frases de um mentiroso. So os babacas ptistas sem carater endossam as idiotices acanalhadas do pinguço ressacado escroto

    Curtir

  7. Comentado por:

    Néstor Bucker

    Grande Augusto,
    Depois de ler o seu post e os comentários esclarecedores e de pessoas esclarecidas que vieram ao seu blog, só faltou ter um pouquinho de humor com as “raquetadas” que você dá nos milicianos, que parecem ter tomado algum caldo de “juízo”.
    Estou te contatando para dizer que não tinha tomado conhecimento de mais esse fato desonroso dos irmãos metralhas (ou serão petralhas, como bem colocado pelo Reinaldo Azevedo).
    Entretanto, quando se noticiou a libertação daqueles sofridos presos, vi na tv o Serra oferecendo para eles virem para o Brasil, mas só o Serra, ninguém mais ventilou a possibilidade.
    Um abraço desse que admira seu trabalho em defesa de nossa ainda sofrida Pátria.
    Grato, grande Néstor Bucker. Confesso que eles conseguiram me surpreender. Não imaginava que o cinismo fosse tão longe. abração. Augusto

    Curtir

  8. Comentado por:

    Lena

    O que esperar de Lula, um lesa pátria? É isso, fora Lula que o Brasil precisa urgente partir para uma melhor.

    Curtir