Coluna Augusto Nunes

Augusto Nunes

Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido.

sobre

Colunista de VEJA.com, colaborador da edição impressa e apresentador do Roda Viva. Foi redator-chefe de VEJA e diretor de redação das revistas Época e Forbes e dos jornais O Estado de S. Paulo, Jornal do Brasil e Zero Hora. Autor do livro 'Minha Razão de Viver - Memórias de Samuel Wainer'.

Valentina de Botas: Parido ministro para sobreviver como presidente, Lula morrerá politicamente como presidiário

Por: Augusto Nunes

A nomeação escarnecedora do criador odioso a ministro numa série de crimes de Dilma Rousseff que, entre a renúncia e a vergonha, terá as duas, efetivaria o “delenda Curitiba est”, equivalente a um “o Brasil precisa ser destruído”. Parido ministro para sobreviver como presidente, morrerá politicamente como presidiário acompanhado pela desonra e pela família detestável.

Na noite que antecedeu o golpe, convoquei minha mãe para ficar com a neta e fui para a Paulista, onde permaneci até o começo da madrugada. Este é o relato de uma cidadã comum, apenas uma mulher latino-americana, sem dinheiro no banco, sem parentes importantes e vinda do interior das ruas nas quais também marchou contra a ditadura militar, pois não é em nenhum refúgio que nos descobriremos: é na rua, na cidade, no meio da multidão, coisa entre as coisas, homem entre homens, segundo Sartre. E são os cidadãos comuns assim ou nem tanto, mas todos autônomos e reunidos para civilizar o país, que estão se descobrindo donos da história que tem surpreendido o cotidiano.

Mas como explicar que pessoas de bem ainda defendam os patronos do esbulho material e moral, preferindo ser crédulas ou indiferentes na barbárie a ser protagonistas na civilização do país? Não sei. Desnecessário gostar de FHC ou da Rede Globo; basta gostar da perspectiva de o país ter a chance de se civilizar. A nitidez dos diálogos sórdidos de Lula e Dilma tramando submeter a ele todos os Poderes da República deveria eliminar dúvidas residuais de que essa perspectiva inexiste sob o PT. Chegando à Paulista, adentrei a República de Curitiba, a Berlim onde ainda há juízes expandida por todo o Brasil, que o déspota repugnante quer destruir em pânico pela ineficácia dos ataques a um juiz federal seguro e sereno.

Depois de ouvir um Lula encharcado de vulgaridade e de potência só realizada no primitivismo cultivado em torno de si pela subserviência dos comparsas e pelo ódio aos desobedientes, enlouquecido na pretensão de intimidar os onze do Supremo, orgulhoso do primarismo que julga ser inteligência política de um cabra da peste, tão à vontade na imundície que, mesmo sabendo do possível grampo, chamou de “meu sítio” o sítio que diz não ter, cheguei à Paulista me sentindo suja e entristecida. Suja da voz roufenha colonizada também por ofensas às mulheres; entristecida na certeza de ainda termos de lidar com tanta sujeira por algum tempo porque a presidente tosca preferiu renunciar não em favor da nação, mas do criador miserável.

Na cerimônia da posse revogada, os farsantes tentaram um golpe a céu aberto acusando de golpista quem os vencerá no mais limpo dos combates – o de cidadãos comuns, livres, amparados na legalidade e fortalecidos na indignação. É nesse combate que me vejo limpa outra vez e, de volta para casa, a tristeza capitula quando beijo minha mãe e minha filha que acorda, a quem conto baixinho: durma, minha flor, sonhe porque Curitiba non delenda est.

Voltar para a home
TAGs:

Comentários

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

*

54 comentários
  1. Neto

    Infelizmente é uma situação difícil de um cidadão honesto entender: “como pode alguém defender o crime e um golpe escancarado a democracia conquistada por um povo honesto e trabalhador?”
    Basta olharmos para a história de nossa civilização e veremos surpresos, hitler ser alçado ao poder através do apoio do Partido Nacional Socialista dos Trabalhadores Alemães, com o apoio de multidões, que, ao dar apoio a este criminoso, foi na verdade cúmplice de todos os crimes perpetrados por ele e seus comparsas.
    Nas ruas durante o “mortadela day”, apenas vimos os cúmplices em suas manifestações.

  2. José Carlos

    Alguém já disse (Einstein, talvez?) que o conhecimento científico não torna ninguém “melhor” no sentido moral ou ético. De fato – e generalizando – se observa que o conhecimento intelectual não determina escolhas morais corretas até porquê certos “intelectuais” negam a existência desse tipo de escolha, preferindo o relativismo estéril que domina o pensamento de certos círculos. De minha parte, afirmo que toda a evolução humana aponta para uma direção – transcendente – e essa transcendência é facilmente percebida por quem deixou sua faculdade intuitiva livre das amarras frias do intelecto, de forma que para estes é até penoso ver os malabarismos intelectuais dessas pessoas “esclarecidas” que ainda apóiam as mistificações da seita companheira. No fundo são pessoas intelectualizadas que têm saudades das antigas paixões religiosas mas não ousam admiti-lo.

  3. Carneiro

    Tiro pela culatra.

  4. Valentina de Botas

    C.Barbosa (19/3, 12:08), obrigada por trazer um pouco da melifluidade de Bilac para a aspereza deste tema. Vhera (19/3, 13:32), gostei do teu contraponto. Na verdade, não fico mais intrigada do que indignada com essas pessoas de bem. Garanto a você que conheço gente muito decente que ainda defende o Lula, que ainda acha que o que ele faz é pelos pobres, que a Globo e a Veja são golpistas blablabla. José Padilha, na entrevista nas páginas amarelas da última edição da Veja, fala um pouco disso quanto aos amigos de esquerda que negam a realidade. Ele usa a tese psicanalítica da negação. Quanto ao Sartre, você tem razão sobre a postura imoral dele. Eis outra coisa que me deixa perplexa também: como tantos pensadores geniais foram incapazes de reconhecer os horrores das ditaduras de esquerda. Não sou adepta do existencialismo de Sartre, até porque sou cristã, mas considero a tese muito atraente do ponto de vista intelectual e acho que o filósofo tem formulações geniais e frases ótimas, ainda da fase até a idade madura, depois da qual seu pensamento declinou junto com a moral. Eu as cito sem nenhum compromisso ou alinhamento com a postura política dele e meus textos certamente deixam clara essa distância. É quase como ouvir Wagner e nem por isso ser uma antissemita, longe disso; ou apreciar o excelente “O homem que amava os cachorros” do cubano Leonardo Padura (que ainda não li, mas o farei assim que ganhar o livro como um presente prometido) apesar de o autor não criticar o regime em que vive. Sartre, já passado dos 60 anos de idade, foi um garoto propaganda do maoísmo na França dos anos 60, este não me interessa, mas o pensador libertário que ele empalideceu. É isso.

  5. Ozorito

    Perdão Valentina e perdão aos ilustres comentarista (49 até agora) Por eu ter cometido o crasso erro de grafar poço no lugar de posso, ao me referir a um texto tão grandiosamente bem escrito e juntamente com tantos comentários auspiciosos.
    No mais: dura lex, sed lex. Dá-lhe Moro, dá-lhes Gilmar, dá-lhes todos cidadãos brasileiros honestos!

  6. Vhera

    Minha cara Valentina. Eu não entendi o porquê dessa sua indignação com “pessoas de bem” que “ainda defendam os patronos do esbulho material e moral, preferindo ser crédulas ou indiferentes na barbárie a ser protagonistas na civilização do país?” Como podem ser “pessoas de bem”???
    Tais “pessoas de bem” sempre se omitiram ante as barbáries perpetradas pela extinta URSS; juntaram-se em apelos e abaixo-assinados em prol da conduta odiosa e assassina de Fidel Castro contra aqueles em fuga da prisão chamada Cuba; nunca se alevantaram em indignação contra as misérias da Coréia do Norte ou revoltaram-se, nas tribunas, contra o Estado Islâmico em sua cruzada hedionda contra as democracias ocidentais etc. Isso tudo denota a mais abjeta servidão à ideologia totalitária e rejeição, à sorrelfa, da democracia. O preço a ser pago pela psicopatia de seus líderes será sempre o necessário para alcançar o Nirvana totalitário. Para este fim, o ser humano é mero detalhe. Bem por isso, não incomoda a essa espécie do gênero humano aqui no Brasil que o seu comandante, lídimo líder da bandeira vermelha, que vê muita democracia na Venezuela, seja um velhaco, um trapaceiro, um patife e um ladrão da coisa pública, do bolso do brasileiro; não importa que se refestele debochadamente com a suntuosidade que lhe proporciona a cupidez lavrada na ilegalidade e na certeza da impunidade, que ora se dá conta, assustadoramente, de seu franco decréscimo.
    E nem se diga que algumas dessas “pessoas de bem” ainda podem ser pescadas dessas águas turvas. A época do salvacionismo já se exauriu no mensalão.
    De outro giro, com todo o respeito, não faça referência a Sartre. Esse pústula da filosofia, no auge de sua existência, nunca viu nenhum sinal de violência em sua estada na terra de Stalin e assim se postou até os estertores de sua vida quando, como o trabalhador da última hora, apertou a mão de seu inimigo, Raymond Aron. Mas seu legado já estava escrito para a posteridade. É só ler o que escreveu sobre ele o saudoso cientista político Tony Judt em seu livro “Passado Imperfeito”. Ponto final.

  7. C.Barbosa

    Deste admirador, quase secreto, dedico a você uma poesia:
    Crê no Dever e na Virtude!
    É um combate insano e rude
    A vida, em que tu vais entrar.
    Mas, sendo bom, com esse escudo,
    Serás feliz, vencerás tudo:
    Quem nasce, vem para lutar.
    E crê na Pátria!
    Inda que a vejas,
    Preza de idéias malfazejas,
    Em qualquer época, infeliz,
    — Não a abandones! porque a Glória
    Inda hás de ver numa vitória
    Mudar cada uma cicatriz.
    E crê no bem! inda que, um dia,
    No desespero e na agonia,
    Mais desgraçado que ninguém,
    Te vejas pobre e injuriado,
    De toda a gente desprezado,
    — Perdoa o mal! E crê no Bem!
    E crê no Amor! Se pode a guerra
    Cobrir de sangue toda a terra,
    Levando a tudo a assolação,
    — Mais pode, límpida e sublime,
    Caindo sobre um grande crime
    Uma palavra de perdão!

    Olav Bilac

  8. Claytão

    Bravo!bravo!bis,bis,bis,que delicia de visão.

  9. Tony

    PARABÉNS Valentina!!!!!!
    Teu escrito é prova de que, felizmenteeeeeeeeee: “Nós non delenda est”

  10. José perdigão

    Senhora Valentina de Botas, quão linda é a vida; quão lindo é o amanhecer; quão lindo é acordar e deparar-me com um texto singelo e sublime escrito pela senhora!

  11. Rocco

    Valentina… Você não é de botas, mas sim de salto alto com puro verniz que lhe faz levitar por sobre esse mar de lama… E sem perder a classe, nos diz e nos traduz tudo aquilo que sentimos e não conseguimos expressar… Obrigado por colocar tão bem no papel aquilo que nós gostaríamos de o faze-lo.. Bom seria termos uma Valentina no planalto e não uma v
    alentona.

  12. Iara

    No dia 13 estava também na Paulista ouvindo os oradores, quando olho ao meu lado vejo uma moça chorando. Assim como eu, ela estava muito emocionada. As lágrimas dela deviam ser pela esperança de livrarmos o nosso Brasil das mãos sujas da corja que além de nos roubar, nos ofende todos os dias com sua canalhice.

  13. Ernesto

    Lindo texto.
    Parabéns, querida Valentina.
    Ao lê-lo, sentimo-nos revigorados para continuar a ida às ruas, transferindo aos juízes da nação- Berlin, representada por aquele Magistrado de Curitiba, a exata e imensa dimensão de nossa sede de Justiça.

  14. Toninho Malvadeza

    Bravo,Valentina,bravo !
    A sua,a nossa luta será recompensada logo mais com a prisão do CHEFE,com a destituição da ANTA e teremos logo mais,um país melhor,mais justo.
    .
    Saudades do Belchior…

  15. Ozorito

    Depois de ter ouvido durante a semana o festival do CALÃO nas degravações dos grampos, esse texto nos refresca a alma; é sublime como um gole de bom vinho numa ceia de Natal. Cada palavra, cada frase que a gente vai lendo nos deixa embebido de civilidade, de desagravo… Poço ate dizer que se serve naquele proverbio bíblico ” As palavras certas ditas na hora certa se encaixam como maçãs de ouro no cestinho de prata.”
    Muito obrigado Valentina, por ter me feito sentir tão bem. A mim e tantos outros leitores.

  16. Valentina de Botas

    Muito obrigada a todos pela leitura; muitos de vocês disseram que se emocionaram com o texto, pois digo que me emocionei com a emoção de vocês, obrigada por isso também. O prolongamento do nosso drama sob este horror servirá para gravar fundo na volátil memória brasileira que PT (e comparsas, omissos e ativos) nunca mais. Bereta, meu termo abraço de sempre pra você. Mandav (18/3, 17:06), obrigada pelas palavras e pela boa sugestão, apesar de as palavras não terem ordem fixa na frase em latim, há certa sequência mais eufônica do que outra. Wanda, minha cara, um abraço pra você também. Maria-maria (18/3, 16:21), acho que a alternativa é descansar um pouco os olhos de tanta sordidez e lembrar que logo acaba. Tatiana (18/3, 14:56), outro beijo. Augusto, como sempre, obrigada pelo espaço. Um beijo

  17. Edyandrade

    VALENTINA,oeu sentimento em relação ao país e aos acontecimentos endosso alegremente o seu texto.

  18. Diogo

    Até os canalhas envelhecem.
    Maldito o homem que confia no homem.

  19. Ferreira Pena

    Seu texto é maravilhoso, é minha leitura obrigatória nesse espaço. O vagabundo e a vagabunda Valentina, ainda têm cartuchos a serem disparados, ainda na justiça há quem os defenda. É vergonhoso mas é a verdade. Por favor, não censure a palavra pouco usual.

  20. Jonas

    Difícil achar palavras para comentar este texto maravilhoso. É incrível como as mulheres sábias, como você e a Janaina Paschoal, tem a mesma hombridade e clareza de pensamento sobre este circo de horrores que tanto angustia os justos.

  21. bereta

    Valentina, minha querida escritora… Eles não merecem sua tristeza, assim como certos homens não merecem lágrimas que mulheres derramam por eles. Moro aqui no pantanal e vi milhares de garças, imaculadamente brancas, ainda que retirem do paul o seu alimento. Fazem-no com tamanha graciosidade que nos encanta, Seus escritos tem a mesma leveza do voo daquela ave, creia. Por mais que suas letras transitem nesse putrefato labirinto que é o caminho do PT, você jamais será conspurcada. E, melhor, ao retirar alimento daquelas águas poluídas, nos alimenta. As garças podem pisar no tijuco, no lamaçal, mas seu alimento é vivo e saudável. Portanto, Valentina, alimente-se com suas letras irretocáveis e permita que nos alimentemos também. A luta ainda poderá demorar, mas a verdade prevalecerá. Deus a ilumine hoje e sempre. Abraço fraterno.

  22. flavioz

    Valentina, Valentina!!! Valent est!!! (desculpe isso aí, rs!) É que corre emoção, à emoção dos decentes, dos que sabem, decentes, em contraposição aos pedalantes imorais, fingidores de suas ignominias que em risinhos sarcásticos sugerem aos “seus” que o PÚBLICO se confundem com suas PRIVADAS malcheirosas e que seus rabinhos sujos, possa se justificar tal qual a um PUM no elevador… (não sei quem FUI!)…PULHAS!!!

  23. Renato

    Esta família não é só detestável. É repugnante. Nem nos bordéis se usa a linguagem dessa gente.
    Difícil acreditar que pessoas desse nível dirigem o País há 15 anos. Eles não perdem por esperar. Logo logo vão se tornar hóspedes da Papuda. E antes que eu me esqueça, para manter o nível: vão todos eles tomar ……..

  24. José P.I.

    Grande Valentina, mais um texto primoroso, que nos deixa leves, ao ler, norteado por um espírito observador atento, um caráter íntegro, um bom senso incrível, fluindo em palavras com tom de poesia, uma realidade triste, que prostra a alma brasileira.
    Acabo de fazer um comentário em outro texto, esse, do próprio Augusto, em que mencionei seu nome, afirmando que, pelo estilo, pensei que fosse seu.
    Trata-se do texto logo anterior ao seu e ao do Oliver, das 10:49 e o meu comentário, às 14:27 (José P.I.-18/3/2016 às 14:27)
    Você continua a mesma, não perdeu “a mão”, mas ainda guardo como “relíquia”, outro texto seu, por acaso escrito a respeito desse mesmo “ogro”, em que a poesia começa no título e se espraia pelo texto todo que, emocionado, comentei, na época.
    Guarde-o em um lugar especial em sua biblioteca, como troféu de bom gosto e beleza de escrita, com meu comentário, (logo na primeira página, por ter sido o último a ser inserido) como tributo à sua Arte e sua alma sensível.
    Trata-se do que se encontra no link a seguir: http://veja.abril.com.br/blog/augusto-nunes/opiniao-2/valentina-de-botas-as-trincas-na-seita-e-no-sacerdote-avisam-que-nao-e-tarde-demais-para-a-florada-dos-sonhos/
    Um abraço e meu desejo de sucesso.
    Se ainda não o fez, está mais do que na hora de produzir um Livro, se já o fez, por favor, divulgue-o aqui, para que dele possamos desfrutar.
    José P.I. (politicamente incorreto)

  25. Smith

    Ele é Ministro.
    Já derrubou 2 liminares, a seu favor.
    STF zomba do povo. Cardozo é a favor e está ajudando, com alguns órgãos da imprensa; se não, não vende desgraça alheia.
    Se não perdem regalias , poderes, títulos comprados.

  26. Jorge Santos

    Ainda nutria alguma simpatia pela ex-Primeira, mas, depois do diálogo digno de chiqueiro que ela teve em relação às reações do povo honesto de São Bernardo, começo a gostar da infame Rosemary!

  27. Mandav

    Forte, muito forte seu texto, Valentina valente! Inteligência e sabedoria a serviço do bem!
    Uma sugestão para a frase final: penso que melhor seria “Curitiba non est delenda”

  28. André

    Prezada,
    Poderia olhar o conteúdo do link abaixo e verificar, por favor, se o mesmo está correto?
    Obrigado,
    http://www.tribunadainternet.com.br/se-lula-acha-que-a-casa-civil-e-um-ministerio-esta-enganado/

  29. wanda

    Valentina, boa tarde. Ouvi, li as gravações e fiquei enojada com subserviência da camarilha. Golpistas são eles, que estão fazendo o diabo quatro, para ficarem no poder. Eu não vejo a hora de tudo terminar, o fim está próximo. Um abraço.

  30. Mauricio leal

    Agora nas falas do Lula,e Dilma o Moro e o bandido não eles e a justiça acovardada o judiciário, pois deve ser mesmo dando de novo o ministerio a Lula uma pouca vergonha, escanadaloso. Tá podre tudo que Paus e este? Vergonha vem para rua . Se for a MS o tribunal dá a Lula também carta branca e viva Juiz Moro abaixe a corrupção . Credo

  31. Ruy

    É inacreditável o Ministro da Fazenda da Republica Federativa do Brasil ouvindo uma descompostura, em silêncio constrangedor, vinda de um cidadão que se encontra sob investigação criminal. Afinal, ele é o que? Um reles “moleque de recados”, como se dizia antigamente? Eu estou estarrecido! Que moral tem este Ministro, agora, para comandar a Maquina Financeira do Estado Brasileiro??

  32. maria-maria

    Cumprimento-te por, ao final, recuperares a alegria, subtraída pela bandidagem palaciana. Preciso aprender a fazê-lo, pois são poucos os momentos de tênue esperança, que experimento, motivados pelas multidões nas ruas, mas, assistindo aos noticiosos ela se esvai diante da onipresente figura da ogra, vociferando suas mentiras numa versão – digamos – feminina de qualquer tiranete desta latrinamérica vilipendiada.

  33. Rosa

    “Valiente” Valentina!!! Adoro ler seus textos!

  34. Mafioso Curitiba

    Para acabar com o PT “Alea Jacta Este” e Oeste !!!!

  35. Marcus Jardim

    Valentina, será que o fato de vários interlocutores (servidores públicos ‒ inclusive Dilma), terem tido ciência da postura antirrepublicana e de clara tentativa de obstrução da justiça – explícitas nas falas de Lula -, e não o terem denunciado, não configura prevaricação por parte desses interlocutores? Se positivo, há como enquadrá-los judicial ou administrativamente? Quem poderia esclarecer?
    Abraço (como sempre, belo e emocionante texto)!

  36. Jorge Santos

    E o mais curioso, ou doentio, não sei, é que haverá, na passeatas pró-verme e pró-criatura, centenas ou milhares de mulheres, entre elas as famigeradas “feminazis”, todas tão insultadas por esse larápio falastrão em um de seus telefonemas abjetos. Isto, entre outras coisas, é um enigma a ser decifrado, pois se diálogo parecido fosse travado por um FHC, Bolsonoro ou Caiado, haveria uma onda de protestos pedindo a cassação dos envolvidos.

  37. Miguel

    Belo e tocante texto.

  38. O CONFRONTO DAS IDEIAS !

    Batalhadora Valentina,
    Os fatos políticos e suas versões jornalísticas, comerciais, paranoicas, patrióticas e os subprodutos midiáticos decorrentes da espetacularização da decadência governamental e do antipatriotismo do pt, são fantásticos e geram audiência e debates interessantes!
    Estive na avenida paulista e agradeço muito aos que não foram, tinha gente demais lá! Se fossem três milhões de pessoas, uma minoria nao voltaria na próxima vez, seria extremamente desconfortável colocar 3 milhões de pessoas na avenida! Deveria existir uma lei limitando o número de pessoas na avenida paulista, um milhão e meio de pessoas protestando contra a falta de caráter de um governo pilantra é um fato HISTÓRICO de tamanho justo, que chancela a necessidade de “impichar” essa secretária cubana de meia tigela, do governo da República Federativa do Brasil !
    Se o protesto tivesse sido marcado para o dia 20 com certeza teríamos 3 milhões na avenida paulista, dado o tamanho do golpe de estado que foi intentado!
    Enquanto sua pessoa estava nas ruas, eu, por necessidades de primeira ordem, vigiava de perto o comportamento dos formadores de opinião da tv brasileira! QUE TRAGÉDIA! Como pode uma concessão pública de tv, que recebe verdadeiras fortunas advindas de nossos impostos tentar vender para a opinião pública, que um juiz está desrespeitando leis, enquanto investiga a quadrilha, que decide quantas campanhas publicitárias do estado serão feitas com esta concessão de televisão? Um acinte intelectual para vomitar!
    Outra concessão de tv que também recebe fortunas, faz matéria para tentar provar que as pessoas estão psicologicamente doentes, ao se revoltarem contra o estado de decadência moral e administrativa que chegou a administração do balcão de negócios financeiros do estado! #IDIOTAS!
    As batalhas democráticas estão ocorrendo nas ruas, nas redes sociais e em todos os veículos e lugares onde as ideias possam ser democraticamente discutidas!
    Esse é um fenômeno que prova que o povo está acordando e que o populismo fisiológico corporativista, não vai dominar a condução das políticas públicas do Brasil!
    Vejo um aborto em curso, a mãe é a corrupção, o pai é o antipatriotismo, o filho é um paria que representa a morte de 100.000.000 de opositores políticos e a faca que vai estirpar esse monstro é a lei !
    O confronto das ideias começou e sua pessoa não está só!
    AVANTE POVO DO BEM!

  39. M. Silveira

    É bom ler alguma coisa que nos tire da sordidez e do desalento e foi isso mesmo que senti: mais livre e liberta dos porcos. E haverá sim, um amanhã. obrigada

  40. Jose Costa

    Publicado em ouro Blog

    Adriano Magalhaes março 18, 2016 2:03 pm

    Por decreto presidente Dilma transfere do Ministerio do planejamento para a Casa Civil 40 Bilhões referente ao PAC. Decreto nº 8.693 /16/16.
    40 Bilhões nas mãos de LULA! GOLPE de DILMA. Decreto passou despercebido da grande mídia. http://www.sociedademilitar.com.br/wp/2016/03/40-bilhoes-nas-maos-de-lula-golpe-de-dilma-passou-despercebido-da-grande-midia.html

  41. bira

    Obrigado Valentina! Estamos aqui na república de Curitiba, lutando, dentro da lei, por uma país que merecemos!Eu, você e nossa família. Não precisamos de víboras para nos governar e sim de homens, com discernimento e honradez.

  42. pedro

    A tosca (não confundir com a Tosca de Puccini, que era uma boa moça) teve a petulância de ameaçar o Juiz Moro de prisão. Claro que diante de uma platéia de gente humilde em evento do “Minha Casa, Minha Vida” no interior da Bahia. Se ela fosse o “Coração Valente” que festejam os basbaques da tubaína e mortadela, deveria vir fazê-lo em praça pública de São Paulo, Curitiba, BH e assim por diante.

  43. Tatiana

    Terminei de ler com os olhos cheio de água e os lábios tremendo. Faço a mesma coisa com minha filhinha. Um beijo, Valentina.

  44. ROUBARAM O BRASIL DE MIM !

    Augusto, uma coisa é Imprensa Livre, como todos queremos, a outra é a “Imprensa Engajada”. Dá nojo ver C Jornalistas da Globonews, por exemplo o pessoal que insiste que as conversas expostas por Dr. Moro foram ilegais, chamando “juristas engajados” para falar bobagens de excessos do nobre Juiz Dr. Moro que orgulha o Brasil. Por sugestão , peço a Rede Globo que coloquem seus Advogados para ensinarem aos seus Jornalistas de que tudo, tudo mesmo, que o Dr. Moro colocou para conhecimento da população brasileira é legal, dar publicidade aos atos ilícitos de governantes e ex-governantes é licito, o povo tem que conhecer quem o governa e quem o governou, isso é da democracia, e as escutas telefônicas foram mais do que legais, e sua exposição para a mídia e para o povo brasileiro demonstra que nossas Instituições funcionam legalmente e em defesa do interesse público, deram publicidade a ilicitudes de nossos governantes e seus cúmplices em todos os crimes de lesa-pátria que praticaram contra o Brasil nestes 14 anos(Processos da Lava Jato comprovam por completo), o resto é choradeira de quem ver o nosso país sob o domínio de uma Organização Criminosa, chega de ILICITUDES !!!! Por favor Jornalistas da Globonews, deixem seus assinantes em paz e evitem falar bobagens e fazerem insinuações contra os atos do Dr. Moro, quem conhece Lei e o Ordenamento Jurídico sabe que ele fez tudo dentro da LEGALIDADE !!!!!! Vocês são contra o Brasil e seu povo ou a favor dos Criminosos de Lesa-pátria que vocês conheceram a verdadeira face cruel e descarada das gravações explicitas e confessas, feitas legalmente, repito, por Dr. Moro ????

  45. marco antonio de oliveira

    …de dar nó na garganta! …texto simples e eloquente. Obrigado, e creio, é o pensar de muitos de nós brasileiros, por dizeres o que não soube dizer mas precisa ser dito.

  46. Juliana

    O peixe morre mesmo pela boca, e o novo ministro tambem, assistam e viralizem: https://www.youtube.com/watch?v=_No3PuIiJ4Q

    Ótimo, Juliana! Abraço. Naomi.

  47. Pedro

    Ótimo texto. Quando se volta para casa para os braços da família com a alma lavada, a felicidade toma conta da gente.
    Por isso NEM MESMO DEUS perdoará lulla, o todo poderoso, pelo fato de ele ter envolvido toda a sua própria família com a ORCRIM de que faz parte.

    É imperdoável também a sua traição com o povo que o elegeu. Ele despreza esse povo haja vista a maneira que se referiu às pessoas que foram ao seu encontro em SBC – “PEÕES”!

  48. Welington

    .
    Uma certa referência a Sir Winston Churchill.
    .
    Parabéns, Valentina Valente de Botas!!!
    ..

  49. Emanuel

    PRONUNCIAMENTO DO PRÍNCIPE IMPERIAL DO BRASIL
    Neste momento de grande agitação nacional, onde os olhares se voltam para alternativas de um futuro melhor para a Nação, S.A.I.R. o Príncipe Imperial do Brasil, Dom Bertrand de Orleans e Bragança, segundo na Linha de Sucessão ao Trono, dirige-se ao povo brasileiro.
    https://www.facebook.com/promonarquia/videos/1733998153503434/

  50. paulo

    Será verdade isso?:

    http://www.polibiobraga.blogspot.com.br/2016/03/na-carta-aberta-lula-faz-ameacas.html?m=1

    Lula teria grampos do STF?!