Coluna Augusto Nunes

Augusto Nunes

Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido.

sobre

Colunista de VEJA.com, colaborador da edição impressa e apresentador do Roda Viva. Foi redator-chefe de VEJA e diretor de redação das revistas Época e Forbes e dos jornais O Estado de S. Paulo, Jornal do Brasil e Zero Hora. Autor do livro 'Minha Razão de Viver - Memórias de Samuel Wainer'.

  • A derrota do reizinho prepotente e do banqueiro sabujo: TRT confirma sentença que condenou o Santander a indenizar a analista demitida por ordem de Lula

    Por: Augusto Nunes

    Foto: Ana Paula Paiva/Valor/Folhapress

    Há duas semanas ─ um ano, cinco meses e vinte dias depois de perder por ordem de Lula o emprego no Santander ─, Sinara Polycarpo Figueiredo ganhou a segunda etapa da batalha judicial travada contra o banco que a demitiu. Neste 21 de janeiro, a juíza Cynthia Gomes Rosa, do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região, manteve a sentença expedida em agosto de 2015 pela juíza Lúcia Toledo Silva Pinto Rodrigues, que condenou a instituição financeira a pagar uma indenização de R$ 450 mil por danos morais infligidos à funcionária castigada por ser honesta.

    Ao recorrer da decisão em primeira instância, o Santander apenas adiou a consumação da derrota. Não há como inocentar o comando do banco, grita a reconstituição do monumento à subserviência que começou em 10 de julho de 2014, quando um documento produzido pela área chefiada por Sinara foi distribuído entre um grupo de clientes com renda mensal superior a R$ 10 mil. Na sentença, a juíza Lúcia registrou que o texto se limitara a endossar “constatações uníssonas entre os analistas do mercado financeiro e nas diversas mídias independentes sobre investimentos”.

    A fúria da seita lulopetista foi desencadeada pelo trecho do documento segundo o qual “a economia brasileira continua apresentando baixo crescimento, inflação alta e déficit em conta-corrente”. Linhas adiante, o diagnóstico nada empolgante observa que a onda de previsões sombrias se adensava sempre que Dilma subia nas pesquisas.  Neste início de 2016, passados dezoito meses, a releitura da análise demonstra que a equipe de Sinara se excedeu na timidez. As coisas estavam muito piores. Era questão de tempo o naufrágio consumado em 2015.

    Lula e seus sequazes acham que, numa campanha eleitoral, o único crime é perder. O resto pode. Matar a mãe, por exemplo. Ou afanar a poupança da avó. Previsivelmente, o chefão fingiu enxergar num papelório inofensivo a prova material de que até bancos estrangeiros estavam envolvidos na conspiração urdida para encerrar a supremacia do PT. A ofensiva contra o diagnóstico do Santander começou assim que cópias do documento chegaram à imprensa. E atingiu o climax com o ataque em pinça executado por Dilma e Lula em 28 de julho de 2014.

    Numa sabatina na Folha, transmitida pelo SBT e pela rádio Jovem Pan, Dilma puxou o trabuco do coldre: “Sempre que especularam não se deram bem”, apertou o gatilho ao responder a uma pergunta sobre a análise do Santander. “Acho inadmissível um país que está entre as maiores economias aceitar qualquer interferência externa. A pessoa que escreveu a mensagem fez isso sim, e isso é lamentável, é inadmissível”. Os disparos precipitaram a entrada no saloon de Lula, o pistoleiro que primeiro atira e depois pergunta. Quando pergunta.

    No mesmo dia, num encontro noturno organizado pela CUT em Guarulhos, Lula acionou o tresoitão. No vídeo, andando de um lado para o outro, o copo até aqui de cólera abre o numerito repulsivo cobrando gratidão do banco presidido pelo amigo Emílio Botín. “Não tem lugar no mundo onde o Santander esteja ganhando mais dinheiro que no Brasil”, rosna o animador de comício, que em seguida recorda conversas e episódios que reduziam o banqueiro espanhol a um bajulador grávido de admiração pelo Lincoln de galinheiro. Por isso mesmo merecia o benefício da dúvida, informa a continuação do palavrório.

    “Ô Botín, é o seguinte, querido: olha, eu tenho consciência que não foi você que falô”, concede Lula na abertura do mais sórdido momento de uma trajetória atulhada de infâmias: o antigo líder sindicalista vai ordenar ao dono do Santander que demita uma trabalhadora cujo único pecado fora contar a verdade aos clientes. “Mas essa moça tua que falô, ô, essa moça não entende porra nenhuma de Brasil e não entende nada de governo Dilma. Me desculpe… Mantê… mantê uma mulher dessa num cargo de chefia é, sinceramente… Pode mandar ela embora e dar o bônus dela para mim que eu sei como é que eu falo”.

    Assim se fez. Dois dias depois de formulada a exigência, Sinara foi demitida com outras duas pessoas de sua equipe. “Enviamos uma carta à presidente”, rastejou Botín em 30 de julho. “A pessoa tinha que ser demitida porque fez coisa errada”. O banqueiro espanhol não viveu para festejar a reeleição de Dilma. Morreu em setembro, um mês antes de completar 28 anos no cargo. Substituído pela filha e herdeira Ana Botín, o campeão da sabujice escapou de ler as considerações incluídas na sentença exarada em primeira instância e agora ratificada pelo Tribunal Regional do Trabalho.

    A juíza Lúcia Toledo Silva Pinto Rodrigues entendeu que o banco maculou a carreira profissional de Sinara ao retratar-se publicamente pelo ocorrido. Concluiu, também, que o Santander foi longe demais ao agachar-se diante de Lula. Confira um trecho da sentença:

    “O Banco reclamado foi sim submisso às forças políticas ao demitir a reclamante. Somente demonstrou a parcialidade da instituição em atender os interesses políticos que estavam em jogo na época por conta da eleição e a falta de comprometimento perante seus clientes investidores que, se acreditassem na assertiva de que a economia seguiria a ‘bem-sucedida trajetória de desenvolvimento’, fatalmente amargariam prejuízos financeiros, dada a retração da economia e a desvalorização do nosso câmbio e dos ativos negociados na bolsa de valores”.

    Nesta primeira semana de fevereiro, o documento que resultou na degola da analista foi transformado num monumento ao otimismo pelas apavorantes dimensões da crise econômica. Isolada em seu labirinto, Dilma Rousseff luta para adiar o enterro em cova rasa. Emilio Botín é só um quadro nas paredes do Santander. Lula, enredado em maracutaias urbanas e rurais, caminha para a morte política. Apenas Sinara está liberada para divertir-se no Carnaval. Ela derrotou seus algozes. O banqueiro poltrão e o reizinho prepotente perderam.

    COM REPORTAGEM DE NAOMI MATSUI

    Voltar para a home
    TAGs:

    Comentários

    Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

    Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

    *

    1. Glauco

      Por cinco anos de espera, essa indenização é muito pequena….se estivesse empregada no banco esse tempo todo, ela ganharia mais do que essa quantia de indenização….deveria ganhar ao menos o dobro….pelos anos não trabalhados que perdeu e pelos danos morais…..

    2. Jefrasio

      Não é possível que esse homem não seja preso. Que País é esse?

    3. luiz Fernado

      Que maravilha de texto.Melhor ainda são os derrotados.A primeira instância esta sempre funcionado ao contrário das cortes superiores.

    4. RONALDO

      Sinara, Agora peça ao Lula molusgo, que ele desculpe-se da M…a que ele falou contra você,
      e também processe por danos. Tenho pena dos Brasileiros que vão pagar por isso, pq ele saiu da
      presidência mas anda com a chave do tesouro.
      E rouba sem saber de nada.

    5. Justus Patriota

      O que você escreveu não é uma “crítica”. É uma mentira difundida pelo PT e engolida pelos ingênuos. Aguarde as próximas semanas.

    6. paulo roberto andrade

      Se eu fosse a Cynara entraria com um processo contra fanfarrão Lula por danos morais. O tempo mostrou que ela estava certa e o Lula mentindo. Esse cara sabe muito bem como enganar com suas fanfarronices. Não tem dignidade para nada, sempre viveu da e na picaretegem.

    7. MauricioPF

      Lula, com seu palavrório irreverente e bufão, pensava que enganava todos por todo o tempo. Enganou-se: mexeu com a pessoa errada -Sinara Polycarpo Figueiredo -, nome para não se esquecer, jamais.

    8. wanderlei lima

      Essa profissional pecou por ser competente e o Santander por ser subserviente. Num país desgovernado por incompetentes e ladrões ser sério e competente incomoda demais. Parabéns para a Synara e que a Justiça seja feita.

    9. zeca

      E os clientes que acabaram acreditando no velhaco e não protegeram seu capital? Que tal uma ação pra fazer o banco amargar milhões?

    10. Thiago Rhys Cass

      Muito bem articulada a sentença…

    11. ALINE OLIVEIRA

      Com certeza absoluta, vc deve priorizar sua segurança. As vezes mexer com esse tipo de pessoa não vale a pena. Já ganhou uma boa grana, faça render isso e investe no seu crescimento profissional, que vale muito mais. Infelizmente, sabemos que quem tem grana e poder fala mais alto. Seja melhor e siga sua vida!

    12. Giovani

      Agora ela devia entrar com Ação por Danos Morais contra o Lula e o PT e esfregar na cara desta plateia de idiotas e burros.

    13. figueira filho

      agora cabe sim uma ação também de danos morais contra o incentivador desta aberração o tinhoso da silva.

    14. Pedro Falcão

      Sra,
      Isso cabe uma ação de danos morais contra o palhastrão

    15. Celso Andrade

      Realmente a moça não entendia nada de Brasil, ele sim, entendia muito, tanto é que deixou o país na m… que se encontra, junto com o seu “poste”, que implantou na presidencia da Republica.É isso que temos e o que a moça, demitida, já previa com grande antecedencia.

    16. edinildo Abreu

      Nós todos perdemos. Ela o emprego nos um país. Ele a vergonha. A moral. A falta de respeito com o povo brasileiro.

    17. Edilvo Mota

      O “líder dos trabalhadores” é um engodo.
      O “partido dos trabalhadores” é um engodo.
      O Tribunal Regional DO TRABALHO deixou claro de que lado sempre estive a turma da tal “esquerda”, outro engodo.

    18. jose felicio manocchio

      Uma questão que não me sai da cabeça……o Eduardo Cunha está sendo julgado e pode perder o mandato devido ao fato de ter omitido informações sobre contas que mantém no exterior, etc, etc..ou seja, segundo seus adversários, ele mentiu e daí o motivo para que seja afastado do cargo…
      Segundo esse mesmo raciocínio, o que dizer sobre Dilma???
      Ao longo de 2014 a campanha dessa senhora baseou-se em afirmações que sabíamos serem mentirosas, ou seja toda a argumentação sobre a economia crescendo, emprego em alta, etc. etc, foram desmascaradas tão logo ela assumiu o segundo mandato.
      Essa questão da demissão da analista do Santander só vem confirmar, de modo até suave, as previsões feitas à época, pois ela tinha em mãos as informações reais sobre a economia do país, apenas as externou e daí a demissão, como se ela, a analista, teria mentido…..
      Será que essa sentença do TRT não fortalece o processo de Impeatchment dessa incompetente e mentirosa presidente???

    19. Carlos

      Animadora essa boa noticia! Um prazer ver lulla (de letra pequena)engolir mais essa. Tinha que sair tb do bolso dele…que afinal é dinheiro roubado de todos nós

    20. Ediberto Lima

      Depois desta está proibido de comungar.

    21. jorge

      Essa “puniçaõ” é vitória para lula, botin e dilma.

    22. LUIZ

      O dinheiro da indenização tinha que sair do bolso deste vagabundo

    23. eduardo dutra

      Tomara que assim que os advogados da Sinara, receberem a
      indenização do banco… devem entrar na justiça novamente
      contra o Sr.Duplex do Guaruja, Sitio de Atibaia, ele precisa saber que ele não esta acima da lei….

    24. RICARDO MAGNO

      AUGUSTO.
      Não dá para conceber que uma criatura capaz de promover o linchamento moral de outrem em público, afirmando: essa mulher não sabe nada, não pode ficar impune. Ele cometeu o crime de incentivo ao desemprego. Esse sujeitinho precisa ser colocado no seu devido lugar. A justiça é o melhor caminho para mostrar a ele que ele não está acima de ninguém.

    25. KAFU SALIM

      Lá nos confins do Kafiristão havia um ébrio. Ele se julgava tão poderoso, que se embriagou com o próprio poder. Ele se julgava estar acima do céu e da terra. Seu nome: MULA. Um dia chegou uma senhora que lhe cortou a cabeça. O MULA ficou sendo conhecido com MULA SEM CABEÇA, sabe o nome dessa senhora? JUSTIÇA. Ainda que viver para outra mula diante da justiça. Sinara ajude-nos, por favor, você pode.

    26. GERTRUDES VOGEL

      Alô Sinara.
      Você já tempo para pensar em uma ação exercitável em face de algoz?. Enquanto esse palhaço tupiniquim não se deparar com algum de fibra como você, ele vai seguir por ai, pensando ser o dono do mundo. Justiça nele, Sinara.

    27. Gervásio

      Quem se curva ante os opressores, mostra o traseiro para os oprimidos.

    28. Ivan Keocheguerian

      Parabens.Texto maravilhoso exelentemente destrinchado. Eles que aviltaram a nossa nação, deverão pagar,mais cedo ou mais tarde.

    29. paulo potiguar goulat

      O tempo é o senhor da razão e a justiça está sendo feita. O Lula deveria ser sócio solidário nesta questão e ser sentenciado a pagar a metade da indenização…

    30. P A U L Ã O

      Pensei um pouco e concluí: um estabelecimento de crédito, que olvida um parecer um técnico em detrimento da palavra de um simples animador de auditório de uma plateia de sanduba e refri. Não. Tal estabelecimento não merece minha confiança. Adeus, tchau e bença. Fechei a minha conta. Gosto de gente mais séria para cuidar da curta grana.

    31. Wilson de Souza Lima

      E os clientes do Santander, principalmente aqueles possuidores de melhor visão da realidade, já deveriam, depois deste vergonhoso episódio, estar se indagando se são clientes de uma instituição financeira que verdadeiramente se preocupa com as finanças deles…

    32. Sandro

      Alguém por acaso sabe se ela também entrou com processo contra o Lula e não apenas contra o banco ?

    33. Antonio Cezar L. Ferreira

      Parabéns a funcionária Sinara do Santander que não se submeteu ao tacão político desse falastrão que solapa as instituições públicas e privadas e com risco de sua carreira, cumpriu seu papel enquanto analista da instituição, informando a sua clientela da derrocada financeira que estava por se consumar.

    34. Altino

      Mas isso é um canalha!!!! Alma mais asquerosa que ainda habita este Brasil… Cadeia pro Lulladrão.

    35. SELMA VIRGINIA G. FERREIRA

      Estão de parabéns o articulista, a vítima Sinara, VEJA e todos que lamentaram o ocorrido com a ex-funcionária do Santander. Nada como um dia depois do outro para derrubar o “santo do pau oco” e sua malfadada sucessora, e todos os demais mentirosos desse horrendo partido que transformou o Brasil num país de terceira categoria.

    36. Rilmar

      O PT, e eu saquei isso muito cedo, pensa que é dono do Brasil e o Lula tem certeza, e realmente é, de que é dono do PT. Os reis tinham essa prepotência, mas disfarçavam convenientemente, ao menos um pouco. Os reis ouviam conselheiros (sábios, e não marqueteiros); o Lula na sua prepotência e no seu despreparo intelectual, jactava-se de ser todo poderoso e, o pior, é que acreditava tão piamente nisso que não enxergava a realidade à sua volta, não ouvia nada que não lhe interessasse e, de tanto ouvir “sim senhor”, impregnou-se de tal forma desse sutil veneno que expôs sem cerimônias essa personalidade que já fazia parte dele muito antes de ter tanto poder.

    37. Carlos Carvalho

      Os braços e tentáculos do poder. Influências e abusos. O cara acha que manda, e se manda, quem executa tem baixa auto estima. Esse cara não manda em nada, é um cidadão bufa comum.

    38. José Luiz Sampaio Menezes

      Esta moça deveria processar o 171 pedindo módicos R$ 50.000.000.000,00 de indenização… Garanto que este valor é troco comparado ao que “ele” e o PT roubaram do Povo Brasileiro!…

    39. Roberto

      Esqueci de comentar que seria interessante se ela se candidatasse a vereadora, por qualquer partido contra o PT, e aproveitasse mostrando esse video ridiculo.

    40. Roberto

      Caros, se eu fosse dono de uma corretora ou um banco sinceramente contrataria essa profissional. Parabens a ela de ter coragem de ser honesta, ao contrario do chefe dela. Não é culpa do Lula não, é culpa do dono do banco Santander.

    41. JOSE VITORIO

      Esse safado de molusco não sabe de nada, entende bem de enganar o povo pobre otarios que se vendem por uma bolsa qualquer. Uma pena que se o Brasil fosse um país serio esse safado já estaria na cadeira a muito tempo, mas como ele tem todos os juizes comendo na sua mão, tá desse jeito. Me dá vergonha de ser Brasileiro. Acorda Brasil, dia 13/03 vamos todos para rua

    42. Sergio Costa

      Eu até pensava em abrir uma conta nesse tamborete, mas depois desse episódio de “baba-ovice” explícita, desisti. Não merece minha confiança.

    43. Antonio

      Ah! eu havia me esquecido. Só R$450.000,00? É dinheiro de pinga perto do que se tem roubado no Brasil pelas nossas Excelência, os parlamentares (leia-se políticos) nos últimos 14 anos…

      No mais é querer comemorar a descoberta de remédio pra careca, quebras de sigilos bancários e telefônicos de corruptos. Esses últimos somente a nossa Justiça/polícia que comora com alarde. Coisa de amador.

    44. Antonio

      Augusto Nunes, você foi genial. Só petista mal intencionada que defende o “grande líder” , segundo o ministro José Eduardo Cardoso, e realmente ele tem razão. Trata-se de um grande líder de uma facção criminosa chamada PT, que já teve seus outros “grandes lideres” presos. Está chegando próximo do chefe mor.

      Aliás, sobre o triplex em especial, é só pergunta pra bancários verdadeiros que compraram e pagaram seus apartamentos e até hoje nunca os receberam, além dos mais de R$100.000.000,00 desviados da bancop pra campanha politica, no que redundou em “quebra” da instituição que para bancário ter acesso à casa própria.

    45. grito

      Lula aquele velho ditado lhe encaixa muito bem.O MAL POR SI SE DESTRÓI.Tome

    46. joaquim

      O reizin do mé se ferrou sem pena

    47. Oswaldo

      Se este banco trata assim seus funcionários competentes, aqueles que priorizam, acima de tudo, o cliente, ele não dá nenhum valor nem a seus funcionários, e muito menos aos seus clientes. Portanto, este banco não vale um níquel furado. Uma verdadeira arapuca situada em cada esquina. Corram dela.verdadeira É o que eu farei.

    48. Willer

      A empáfia é a ruína dele, mas esse vídeo é praticamente confissão de culpa e comprova como era o convívio com banqueiros e empreiteiros. Isto explica os agrados suntuosos no Guarujá e Itatiaia e quem sabe em quantos outros lugares ainda não descobertos. Já deveria a muito estar preso.

    49. jorge

      toma sapão barbudo.

    50. Antonio Carlos

      Prezado Augusto:

      Você já imaginou um Bloco de Rua “Os Revoltados” desfilando nas ruas de São Paulo durante o carnaval?
      Vale-tudo…máscaras, faixas e até elogios a quem merece(Juiz Moro).
      Seria a melhor forma de manifestação contra os políticos bandidos do Brasil !!!

      Um abraço.