Blogs e Colunistas

27/06/2011

às 12:05 \ Direto ao Ponto

Os comandantes da ofensiva contra a liberdade de imprensa ignoram que nem todos os jornalistas estão à venda

PUBLICADO EM 27 DE JUNHO DE 2011

Entre uma rodada de palestras financiadas por empresários amigos e uma missa negra pela salvação da pele dos pecadores de estimação, Lula retomou na terceira semana de junho a ofensiva contra a liberdade de imprensa. Coerentemente, a discurseira que tenta estigmatizar o jornalismo independente e faz a louvação da censura, rebatizada pelo PT de “controle social da mídia”, foi ressuscitada no Encontro Nacional de Blogueiros Progressistas, que juntou em Brasília o bando que age na internet a serviço do governo e, sobretudo, do ex-presidente que ainda não desencarnou do Planalto.

“Nunca me preocupei com crítica, mas que elas sejam verdadeiras”, mentiu Lula para a plateia de blogueiros estatizados pelo companheiro Franklin Martins com verbas, empregos e favores providenciados pelo Ministério da Propaganda. “O que me preocupam são as inverdades, como aquela pedra, meteorito, que bateu na cabeça de um candidato na eleição”, voltou a tratar os fatos a socos e pontapés, insistindo em debochar da agressão sofrida pelo candidato tucano José Serra numa passeata no Rio de Janeiro.

Anabolizado por salvas de palmas, o palanque ambulante caprichou nos afagos aos coadjuvantes das sucessivas farsas encenadas para transformar afrontas à democracia em piadas ─ ou para negar que aconteceram. “Vocês evitaram que a sociedade brasileira fosse manipulada como durante muito tempo ela foi manipulada”, inverteu as coisas o falsário patológico. “Vocês evitaram que os falsos formadores de opinião pública ditassem regras do que deveria acontecer no país”.

Nessa versão pilantra, o Brasil escapou de afundar nas fantasias urdidas pela imprensa não domesticada graças aos progressistas eletrônicos ─ uma tribo que agrupa fanáticos estacionados no começo do século 20, exotismos que ainda empunham garruchas da Guerra Fria e ex-jornalistas que arrendaram a alma ao governo para garantir uma velhice poupada ao menos de achaques financeiros. Todos incondicionalmente subordinados ao morubixaba, não acham nada sem prévia autorização, nem ousam pensar por conta própria. Esses requintes são para quem têm autonomia intelectual. Limitam-se a fazer o que o dono ordena.

No Brasil dos blogs governistas, não existem safadezas, roubalheiras, corrupção, ladroagem, quadrilhas federais, nada disso. E o escândalo do mensalão, claro, foi uma invencionice da elite golpista. Nesse país sem pecados, Erenice Guerra é uma dama de reputação ilibada, Antonio Palocci prosperou honestamente, Aloízio Mercadante e seus aloprados jamais fabricaram dossiês, Dilma Rousseff é uma pensadora onisciente, Lula é o gênio da raça e o partido segue honrando a frase recitada por José Dirceu no século passado: “O PT não róba nem deixa robá”.

O inevitável Dirceu apareceu no segundo dia da quermesse em Brasília disposto a explicitar o que o chefe sugerira e, de novo, esvaziar o estoque de bravatas. “É uma vergonha que a regulação da mídia não seja realidade”, irritou-se. “Se o Poder Legislativo é soberano e autônomo, ele fará a reforma”. Se não fizer, avisou o palavrório, terá de haver-se com as tropas do combatente diplomado em Cuba. “Estou disposto a travar essa luta junto com vocês”, avisou o guerrilheiro de festim.

Declarações beligerantes formuladas por Dirceu só conseguem matar de rir. Vencido pelo padeiro de Ibiúna em 1968, pelo medo paralisante nos anos 70, pela própria arrogância no restante do século, ele foi definitivamente derrotado pelo prontuário em 2005. Mas o revolucionário de araque está sempre pronto para perder mais uma. Ele se recusa a morrer antes de monitorar, de preferência instalado no gabinete do ministro da Propaganda, a implantação do controle social da mídia.

Enquanto durasse a experiência liberticida, o que merece ou não virar notícia seria decidido por comitês formados por gente de confiança do governo, como os participantes do encontro em Brasília. “Os blogueiros progressistas não têm rabo preso com ninguém, a não ser com a própria consciência”, garantiu Dirceu. Os que conheci nunca souberam o que é isso. Dependendo do preço, suariam a camisa com o mesmo entusiasmo num campo de concentração nazista ou num gulag soviético.

A recidiva autoritária de Lula e Dirceu foi concebida para inibir os que não se deixam intimidar e açular os blogueiros federais. Além dos incontáveis casos de polícia já eviscerados pela imprensa, vêm aí a Copa da Roubalheira, a Olimpíada da Ladroagem e, antes dos dois espantos, o julgamento da organização criminosa envolvida no mensalão. Para que o governo do padrinho e da afilhada não fique ainda pior no retrato, é essencial reduzir o espaço de quem insiste em contar o caso como o caso foi e ver as coisas como as coisas são.

Os comandantes da ofensiva, intensificada neste fim de semana, vão constatar de novo que manobras liberticidas naufragam já nos primeiros artigos da Constituição. E descobrirão que não são poucos os profissionais que ilustram a lição de Cláudio Abramo: “O jornalismo é, antes de tudo e sobretudo, o exercício cotidiano do caráter”. Jornalistas independentes são prisioneiros voluntários da paixão pela verdade. Enxergam e denunciam delinquências seja qual for a filiação partidária do bandido. Sabem que a liberdade não tem preço. E não estão à venda.

 

Share

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado

247 Comentários

  • Paulo Teixeira

    -

    26/6/2014 às 20:59

    Excelente texto, as inverdades, as falcatruas e as tentativas de calar a imprensa por um lado e o de reduzir a oposição a em peça figurativa de outro, constitui praticas reservadas aos governos autoritários, coisa alias inegável no origem do DNA do PT, haja vista o extenso currículo de malfeitos praticados por sua cúpula, uma “ELITE” que só faz referência à democracia por conveniência, mas que procura sabota-la constantemente.

  • padock

    -

    26/6/2014 às 12:00

    O problemas dos lixos PTistas contra a imprensa livre é q a quadrilha ñ conseguio aparelhar, dai quer amordaçar toda a imprensa mas pelo andar da carruagem essas porcarias virão nani9cos esses lixos ja estão no começo do fim das porcarias d ratos,quando eles fizeram as ratazanas comendo o País se espelharam neles mesmos.

  • Ciro Lauschner

    -

    25/6/2014 às 22:00

    Eu acho que todos os blogs e publicações chapa branca deveriam ser expostos ao público para que pudesse ser cobrado o ressarcimento aos cofres públicos dos milhões neles investidos, unicamente como propaganda e não como jornalismo, já que nunca fizeram jornalismo, mas apenas propaganda e difamação de adversários.Quando Aécio assumir, creio que uma limpeza nesse lixo seria democratizar a mídia, coisa que o PT tanto fala e que esse esgoto jornalistico tanto divulga.

  • Eduardo

    -

    25/6/2014 às 4:07

    Esse Franklin Martins adota tecnicas nazistas na sua investida contra a imprensa livre.
    O maior exemplo é essa contrataçao de milhares de blogueiros, que nao tem ideologia nenhuma, pra plantar mentiras na internet e repetir essas mentiras milhares de vezes, pra ver se o povo acredita nessas mentiras.
    Esse é um dos maiores lixos do Governo Petralha!!

  • norton

    -

    23/6/2014 às 12:51

    Um artigo escrito por quem viveu a experiência de participar de um “conselho” desses, talvez o mais o mais sutil de todos:
    http://www.obeija-flor.com.br/2014/06/conselho-popular-voce-conhece-um.html

  • Luis R N Ferreira

    -

    23/6/2014 às 11:32

    A utilização de práticas nazistas como publicar “listas negras” de jornalistas comprova o caráter autoritário e antidemocrático do Partido dos Trabalhadores. Há três anos ainda parecia difícil que eles chegariam a este ponto.

  • carlos matias

    -

    22/6/2014 às 23:21

    Texto de 3 anos, … e atual. Este PT é um atraso para o Brasil. Para retomar a Ordem e o Progresso: FORA PT !

  • Yara

    -

    22/6/2014 às 14:56

    Excelente texto, Augusto! E que bom que e’ ler um artigo de 3 anos e ver que agora, Jose’ Dirceu (guerrilheiro de festim, rsrs) esta’ no seu devido ligar. Recordar isso e’ um alento e sopro de esperanca para dias melhores.

    Um abraço, Yara.

  • Paulo

    -

    22/6/2014 às 9:20

    O PT quer calar os jornalistas que não se vendem, não são reedições do PMDB de aluguel e outros que agem como as mulheres de programas, estão para quem dê mais – e o PT ter consciência do que disse Lênin: A IMPRENSA É A MAIS PODEROSA NOSSA ARMA DO PARTIDO”!
    Aliás, é verdade absoluta, pois se inexistirem quem denuncie suas maracutaias e as infindas chantagens e bandalheiras ficarão à vontade para fraudarem.
    La diferencia que hay entre una democracia y una democracia popular – comunista – es la misma que existe entre una camisa y una camisa de fuerza!

  • Antonio Carlos

    -

    22/6/2014 às 9:19

    Deviam estar os dois na PAPUDA !

  • marize

    -

    22/6/2014 às 4:50

    Franklin Martins, o que você vai fazer da vida quando o pt, voltar para o buraco de onde saiu ? Vai servir a que senhor? A mamata está acabando, e o PSDB, nem vai querer saber de você.

  • JUSCELINO

    -

    21/6/2014 às 11:34

    Caro Juscelino, as normas para publicação de comentários no blog não aceitam textos escritos somente em maiúsculas. Confira as regras no link http://wp.me/pJJki-3jS5. Abraços, Branca Nunes.

  • Sonia A.S.

    -

    21/6/2014 às 0:26

    Augusto, espetáculo de texto. Fico pensando – o que seria de nós sem você e outros jornalistas comprometidos com a verdade e com a nação. A lista negra arrepiou-me. Todos sabemos do que eles são capazes. O horror de ontem, a destruição de bens – sempre em São Paulo – sabemos todos nós de quem é a encomenda. Não perdem por esperar. Se não aprenderam com as bordoadas que já levaram, o que vier lhes ensinará.

    Um abraço, Sonia.

  • Sonia A.S.

    -

    21/6/2014 às 0:14

    A cara torta reflete a alma. E eu pensava, há muito tempo, que eram bons seres humanos. Ambos: o político e o jornalista, por assim dizer. Há outros nomes para a profissão que desenvolvem.

  • MC

    -

    20/6/2014 às 23:02

    Que texto! Não havia lido. Tenho esperança que em breve esta época horrorosa seja só uma triste lembrança.

  • Roberto

    -

    20/6/2014 às 22:25

    Como me sinto bem ao ler seu blog, Augusto…já fui do contra (saravá), já pertenci ao outro lado, já lhe detestei (hoje nao,rsrsrsrs) e,lendo seus brilhantes textos, só me faz admirar em ti, cada dia mais, a sua argúcia e sagacidade. Meus parabéns (e espero que me desculpe..rsrsrs – me mande um e-mail!). Abração.

    Não há o que desculpar, Roberto. É um prazer ter você por aqui. Abração. Augusto

  • jj

    -

    20/6/2014 às 18:51

    Mesmo vivendo em um país “governado” por DELINQUENTES a mais de treze anos, a gente continua com esperança, essa esperança vem da imprensa limpa, dos jornalistas tipo Augusto Nunes, e tantos outros que não se vendem e honra a profissão, se não fosse esses ILUSTRES PRO-
    FISSIONAIS, hoje nós já seríamos uma cuba ou uma ve-
    nezuela. O que mais impressiona nessas verdades que o Augusto Nunes, relata, é o silêncio das forças que assiste a tudo e fica peixe, será que há coni-
    vência? Isso é crime de lesa-pátria, e pode levar a democracia a falência, antes que seja tarde é bom que seja tomada providências urgente para EXTIRPAR ESSA PODRE QUADRILHA DO PODRE PT(PARTIDO DOS TRAPA-
    CEIROS) DO PODER. VAMOS ACORDAR MAIS CEDO!

  • Renato

    -

    20/6/2014 às 18:10

    O PT tenta amordaçar a imprensa a revelia do povo brasileiro. Na hora que o povo acordar esse pessoal vai ser esculhambado em todos os lugares. Eles não vão mais poder sair de casa. O Brasil não aceita mais esse tipo de coisa. A democracia não é mais negociável. É uma conquista do povo brasileiro e não está sujeita a relativização desse tipo de direito.

  • Leonardo X

    -

    20/6/2014 às 17:23

    Prezado Augusto Nunes, talvez fosse interessante fazer uma pesquisa sobre os jornalistas bem vistos pelo DIP da Era Vargas e o regime militar de 64. E os mal vistos. O que restou dos subservientes e dos independentes. A História não costuma ser condescendente com os jornalistas covardes e venais que fizeram da nobre profissão o ofício menor da reverência aos poderosos de plantão. O tempo limpa os sapatos enlameados nesses capachos e segue em frente com aqueles que honraram sua profissão.

  • razumikhin

    -

    20/6/2014 às 14:48

    “Elizete”(zelite) branca do PT.

  • angelo

    -

    19/6/2014 às 20:05

    Senhores,Em atenção ao texto,somente os dizeres do
    Hino nacional brasileiro,darão respostas a todos os
    quesitos que os palhaços apátridas nazispetistas
    querem ouvir.

  • a araujo

    -

    19/6/2014 às 14:26

    O petismo está em seus dias finais, graças a Deus!

  • Ronaldo força

    -

    19/6/2014 às 13:38

    Esta dupla deveria estar atrás das grades por tentativa de golpe de estado e transformar o Brasil numa ditadura bolivariana/cubana. São dois traidores da pátria que se vivessem em Cuba seriam fuzilados inapelavelmente. Temos de ter leis mais duras para traidores da democracia, pois 30 anos de prisão para os dois impostores seriam pouco.

  • Iara

    -

    19/6/2014 às 0:14

    Eu só quero que esse imbecil e sua tropa de delinquentes sejam derrotados nas urnas e que saiam de seus buracos como baratas imundas.

  • Paulo Boccato

    -

    18/6/2014 às 21:50

    isto aqui cesta prestes a ser votado e graças a imprensa cumpanhera, ninguem fala ou diz nada ;
    PLP 137/2004 – Projetos de Lei e Outras Proposições …
    http://www.camara.gov.br/…/fichadetramitacao?idProposicao=156281
    Identificação da Proposição. Autor Nazareno Fonteles – PT/PI. Apresentação 16/03/2004. Ementa Estabelece o Limite Máximo de Consumo, a Poupança …

    CHAMA-SE CONFISCO DA POUPANÇA !
    Ah, perdão ,tenho de gritar em caixa baixa…confiscooooooooooooooooo da popupançaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa !

  • Ronaldo força

    -

    18/6/2014 às 21:00

    Lula é louco pelo controle da imprensa para que suas falcatruas não sejam publicadas e o seu enriquecimento e do Lulinha o gênio não seja questionado. Todos os escândalos do PT tem Lula como carro chefe. Até aqui tem se livrado dos processos, porém com a derrota do PT nas próximas eleições ele sabe que não seria poupado e, provavelmente vai cumprir sua palavra com os mensaleiros do “estamos juntos” na Papuda.

  • tico tico

    -

    18/6/2014 às 20:26

    Ao contrário de você Franklin Martins, Chico Buarque pelo que sei, teve e tem a hombridade de nunca ter pisado na Globo.

  • razumikhin

    -

    18/6/2014 às 19:05

    Exato. E, essa soberba tamanha que Lula da Fiuva, Çilva, Síuva etc. ostenta naquela cara ambrosiana de assustar criancinha é fruto de muitos anos de treinamento em sindicatos, que são órgãos de “crace” cheios de dim-dim, tomado à força do trabalhador. Lá uz “cumpanhêru” podiam comprar e compravam; vendiam e desgraçavam consciências de colegas.
    Hoje, o Petê tem a chave do cofre público, que lhe foi entregue por politicamente corretos e esquerdistas cegos, mas o partido ainda acha que é pouco. Cansamos de ouvir denúncias de extorsão de gente associada do partido.
    Lula e o PT sabem usar o dinheiro para perverter a sociedade, o mensalão foi exatamente isso, mas essa gente democrata(sic) deixa bem claro: “nóiz fáizu diáb, mazem benefíçu du pouvo.”
    Há quem acredite e até assine em baixo.

  • Cesar

    -

    6/1/2013 às 19:13

    Não tem coisa mais ridículo do que o blog daquele pseudo jornalista chamado Paulo Henrique Amorim. É um festival de mentiras agressivas, e o infeliz ainda defende a “Ley dos Medios”, ou seja, é a favor da censura dos meios de comunicação.
    Engraçado é que ele ficou anos na Globo, e só agora ele parte para acusações contra aquela emissora? Ela mudou radicalmente desde que este cidadão saiu de lá? Eu já fiz esta pergunta várias vezes no blog dele, mas nunca foi publicado.
    A imprensa deve ser livre, cada um que interprete a notícia à sua maneira, ou que siga os meios de comunicação adequados ao seu modo de pensar, seja o site de Veja ou o blog deste infeliz (apesar de ser contra as opiniões dele, que ele siga com seus leitores, é até bom ler, para se ter uma noção de tanta baboseira que é publicada).
    Se não gosta de um segmento da imprensa, não compre, não acesse, não leia, cada um que siga o seu caminho.

  • carlos

    -

    3/1/2013 às 15:20

    Claudio abramo, quanta falta faz. Se vivo estivesse estaria na nossa trincheira, a das pessoas que querem ver esse pais no primeiro mundo e não no eterno populismo do terceiro mundo. Claudio abramo não estaria do lado do pt nem de lula.

  • Silvia

    -

    2/1/2013 às 8:18

    O que me incomoda é que esses blogueiros “comprados” e pagos com o dinheiro do trabalhador honesto simplesmente vivem e convivem com a mentira. Recebem dinheiro do suor do povo trabalhador honesto para mentir. Fico pensando no que passam para os filhos, ou será que esta gente não tem família? Na Globonews passa de vez enquando depoimentos de jornalistas e/ou apresentadores que declaram o porque são jornalistas “passar a verdade,mostrar a verdade, etc”, no entanto observamos que todos são obrigados a ignorar os descaladros de Lula, evitam falar sobre os escândalos, não esclarecem a população a respeito do que está ocorrendo. Não mostram a realidade do Brasil verdadeiro, que é exatamente o que Lula e sua corja quer e, que já vem acontecendo em todos os jornais televisivos. Já existe sim um contrôle, mas o que eles querem é tirar, este blog, do Ronaldo, a Veja, o Setti e mais alguns.

  • GEROLDOZANON

    -

    1/1/2013 às 8:03

    O governo PETISTA está tentando censurar a imprensa desde a época do comunista FRANKLIN MARTINS

  • mirian tedesco camello

    -

    29/12/2012 às 22:32

    Texto IRRETOCÁVEL ! Bravo!

  • Roberto

    -

    29/12/2012 às 10:05

    Texto fantástico, parabéns Augusto.

  • Julio Rabêlo

    -

    27/12/2012 às 12:34

    Realmente o Cláudio Abramo ficou descontextualizado . Deve estar inquieto em seu descanso eterno

  • Bruno

    -

    26/12/2012 às 18:22

    O pior é que esses blogueiros patrocinados sabem muito bem que estão mentindo, e mentem de propósito, pois a mentira serve aos seus, aí sim, inconfessáveis interesses.

  • Cidadã consciente

    -

    26/12/2012 às 17:54

    Muito bom, Caro Augusto, enquanto existir essa trincheira de jornalistas independentes, capazes de dizer o que pensam, sem subserviência aos Governos da hora, nos, cidadãos conscientes, podemos continuar acreditando num pais de homens justos, comprometidos com o bem comum e o respeito as Instituições!

  • Jeremias-no-deserto

    -

    26/12/2012 às 17:24

    François Cabral, o pensador das 19:02, traduz bem o espírito de macunaíma que envolve os sedizentes “jornalistas” da esgotosfera ( na verdade, são propagandistas regiamente pagos pelo governo petista): para estes, já que todos são venais por natureza, então, locupletemo-nos todos sob o manto protetor do guru de Garanhuns, o mais esperto e cínico dos ocupantes do Alvorada.Esquece ele e seus colegas de fé que existem jornalistas honestos ainda nesse país. Gente que tem a coragem de enfrentar esses poderosos de forma desabrida e, mais que isso, homens limpos que podem encarar os seus filhos e a sua gente com a maravilhosa sensação de paz interior do dever cumprido e da honra preservada. São poucos, é claro. a maioria já sucumbiu ao canto da sereia da hidra corrupta que se apossou do nosso país.Mas são verdadeiros jornalistas como Augusto Nunes, um verdadeiro patrimônio da verdadeira imprensa.

  • Valentina de Botas

    -

    14/12/2011 às 1:12

    Prezado Augusto
    Este post é uma declaração de amor ao país e à profissão; uma prova de amizade e de respeito aos leitores; uma homenagem ao Brasil decente para a qual é necessário não apenas ser ‘o melhor teclado do leste e do oeste, também do sul e do norte’, como diz nosso grande Oliver, mas também ter a altivez de caráter que em você, Augusto, é absoluta. Não vou insistir nesta rasgação de seda para não o constranger. Só gostaria de registrar que você é um profissional de tal valor e brilho – e fica difícil imaginar que o homem também não o seja –, que se tem a impressão de que não foi você que escolheu esta profissão, mas ela é que o capturou. Atraído, rendido e cúmplice, você só precisou deixar-se capturar. O que ela tem que o encantou é algo entre vocês dois, cultivado com máximo requinte. Um homem da sua inteireza de caráter não se vende. Não por ser um jornalista independente ‘prisioneiro voluntário da paixão pela verdade’, pois, se médico ou pintor de paredes, neles encontraríamos o mesmo Augusto Nunes digno e altivo; prisioneiro voluntário da paixão pela verdade numa sala de cirurgia ou sujo de tinta. Um homem assim não se vende. Por quê? O porquê está em cada linha de 40 anos de profissão e em um pouco mais de vida, que remonta à educação precisa e amorosa de certos d.Biloca e dr.Adail. É só isso, é tudo isso. Com um beijo, Valentina

    Fiquei comovido com o que acabei de ler, Valentina. Vou guardar com muito cuidado. Um beijo. Augusto

  • Gilda

    -

    1/7/2011 às 16:09

    Estamos com você, Augusto

  • MANJUBA

    -

    1/7/2011 às 15:27

    Nota 10, Augusto Nunes.

  • Maria herculina de Ramos Filgueiras

    -

    1/7/2011 às 0:06

    Completando:
    Esses PTralhas presisam de ir para a cadeia, em Cuba, no Irã,…

  • Maria herculina de Ramos Filgueiras

    -

    1/7/2011 às 0:01

    Lula e Zeca Diabo são apenas lobistas. Aliás sempre foram. Palestra? Lavagem de dinheiro pagas em troca de recursos públicos repassados a grandes empresários. E os Ptralhas? Estão “mamando” demais nas “tetas públicas”… Para tanto analfabetismo, só sendo bandido…

  • Pedro Martins Pereira

    -

    30/6/2011 às 18:44

    A frase de Cláudio Abramo é certeira para definir o perfil ideal do jornalista. Sem dúvidas. No entanto, está um pouco fora de contexto, tendo em vista que esse grande profissional sempre foi lúcido ao criticar o poder dos meios de comunicação. Mesmo tendo ajudado no projeto da Folha de S. Paulo e outros veículos, era declaradamente marxista, de esquerda. Se tivesse vivo, provavelmente estaria ao lado dos blogueiros.

  • Marcello

    -

    30/6/2011 às 13:31

    Graannde Augusto! A leitura diaria do seu blog atenua a minha sensacao de isolamento,nesta luta cotidiana contra a corja marxista-leninista corrupta contumaz,que se instalou no poder ha quase nove anos. Confesso tambem que chego a me divertir com as suas respostas aos milicianos petistas (seres mononeuronicos a servico da mesma organizacao criminosa,e verdadeiros germes oportunistas) que por aqui “insistem” em fazer a defesa do indefensavel(…). Reitero os meus parabens pelo excelente trabalho jornalistico e verdadeiro exercicio de coragem e cidadania.

    Um abraço.
    Marcello (um cidadao brasileiro)

    Abração, Marcello.

  • Guilherme Outeiro

    -

    30/6/2011 às 2:33

    O curioso na “chiliqueira” petista é que eles pedem que o Augusto cite nominalmente quem são os vendidos. Ora, basta ver a relação dos “blogueiros progressistas” que assistiram essa palestra.

    Torço para que algum “ofendido” me processe, caro Guilherme. Aí eu mostro quem é. Todos foram estatizados. abração

  • CARAMBA

    -

    30/6/2011 às 0:18

    O ANTÔNIO (17h12)é analfabeto até em babaquês. Três palavras em português, três erros. Três traduções para o babaquês, três erros.

  • Lúcia

    -

    29/6/2011 às 22:05

    Diga primeiro o que você acha que os estudantes devem ler. O livro que ensina que “nós pega o peixe”? O que faz contas erradas? Os livros de História que contam que o Brasil começou em 2002?
    Diga também o que você acha das estatais que sustentam com anúncios blogs sem leitores. Se não fizer isso, nem apareça aqui.

  • G G Oliveira

    -

    29/6/2011 às 21:01

    Olá meu irmão Augusto, comentar teus artigos é desnecessario, pelo brilho próprio que eles possuem. Sou teu fã e seria suspeito ao fazê-lo. O que me impresciona realmente é a cara de pau de alguns Petistas,que seriam poetas se nada escrevessem. Hoje, eles estão furiosos, e vieram em bando (quase uma quadrilha). Quem aplaude um Palocci e aceita que os atletas Cubanos fossem devolvidos ao Anjo Cubano, Fidel Castro enquanto o assassino Battisti provavelmente arrume uma boquinha no governo; pois sempre tem vaga prá bandido, ainda mais sendo terrorista. Petistas, envergonhai-vos e procurai a vossa tiurma.

    Abração, amigo.

  • François Cabral

    -

    29/6/2011 às 19:02

    Jornalista é apaixonado pela verdade? kkkkkkkkkkkk
    Só se ela for conveniente aos seus interesses, não?………….

    É natural que os mentirosos procurem acreditar que ninguém diz a verdade. É uma maneira de perder a vergonha sem nenhum risco de sentir-se constrangido. Esse é o teu caso. Não existem semelhanças entre nós dois.

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados