Blogs e Colunistas

05/06/2011

às 13:49 \ Direto ao Ponto

A penúltima do Palocci: o homem com quem o ministro diz ter fechado o contrato de aluguel é um velho conhecido da polícia

Intrigado com o caso do apartamento alugado em São Paulo por Antonio Palocci, e também com o estranho prenome do suposto proprietário, o jornalista Celso Arnaldo Araújo saiu à caça de informações sobre Gesmo Siqueira dos Santos. Acabou encontrando um velho conhecido da polícia. Vejam o prontuário resumido do homem com quem Palocci, na nota divulgada em resposta à reportagem de VEJA, confessou ter “firmado um contrato em bases regulares de mercado”.

POR CELSO ARNALDO ARAÚJO
Foi só pesquisar a esmo – encontrou-se um Gesmo.

A casa própria – o apê de 7 milhões, por baixo – já não tinha mistério: ali está investida uma pequena parcela do dinheiro do tráfico da boca de Palocci, que funcionou a todo vapor por quatro anos.

Mas o imóvel alugado, do mesmo padrão da casa própria, era muito, muito esquisito – mesmo para o dono de uma clínica insalubre de economia sanitária. Vinte tantos mil por mês jogados pela janela, quando se tem um imóvel vago, todo seu? A descoberta do laranja Dayvini, por VEJA, é só o primeiro pesponto da costura que pode levar a um esquema muito mais suspeito que a Projeto.

É tentador classificar Dayvini como um novo Francenildo na vida de Palocci – o humilde capaz de abater o poderoso só por existir. A diferença, porém, é radical: Francenildo era crítico, Dayvini é cítrico. O primeiro não mercantilizou sua dignidade, embora pudesse. O segundo alugou o nome, embora não precisasse.

Mas se o primeiro escândalo palocciano acabou em Francenildo, o segundo, ao que parece, apenas começa em Dayvini. Porque outro nome esdrúxulo merece agora toda a atenção do mundo civilizado: Gesmo Siqueira dos Santos. Sem medo do clichê: guardem bem esse nome.

O Google já o guardou, para sempre, invariavelmente atrelado a malfeitos de toda ordem. Em 2006, por exemplo, os jornais noticiavam sua autuação por desobediência. Um de seus postos de gasolina, o Auto Posto Trevão – ah, esses nomes! – havia sido lacrado pela Polícia Civil e agentes da Fazenda Tributária por – adivinhem! – combustível adulterado. Mas o que é um lacre para Gesmo? Na calada da noite, encostou um caminhão no posto interdito, dele puxou uma vistosa mangueira e encheu o tanque com a gasolina bêbada e álcool inchado de água – 4 mil litros no total. Horas depois, ainda noite, descarregava o precioso líquido em outro posto de sua propriedade, o Morumbi, quando foi preso em flagrante.

Sim, o Dr. Gesmo Siqueira dos Santos — OAB/SP 161.145-1 – nunca foi, exatamente, um guardião da lei. Uma pesquisa perfunctória no site de busca o mostrará como réu também em inúmeros processos trabalhistas. Num deles, de 2010, na vara de São Carlos, ele a mulher Elizabete da Costa Garcia, são intimados à penhora de bem em ação movida por Cosme Rocha de Lima. Intimados, sim, porque Gesmo e Elizabete se encontravam em “lugar incerto e não sabido”.

Esse tem sido o lugar preferido do casal, enquanto enriquecem fazendo negócios escusos e deixando um rastro de ilegalidades pelo caminho – ambos são fiéis na riqueza e na riqueza e na comunhão de processos na Justiça: 35, até agora.

Mas o deputado federal Antonio Palocci não teve nenhum problema em localizar o incerto e o não-sabido. Em sua própria nota de defesa para a matéria de VEJA, que vai acabar por derrubá-lo, ele escreve: “O contrato foi firmado em bases regulares de mercado entre Antonio Palocci Filho e os proprietários Gesmo Siqueira dos Santos, sua mulher, Elisabeth (sic) Costa Garcia, e a Morumbi Administradora de Imóveis.”

Ou seja: Gesmo, confessadamente, é o dono de fato e direito do apartamento alugado que deu muita sorte a Palocci – morando ali, ele ficou podre de rico.

No ano passado, estreei na malha fina do IR porque um Javert da Receita descobriu – e nem eu sabia – que sou sócio com 1% de microempresa desativada, em nome de um de meus filhos, com capital de 1 real. Caí na malha, portanto, por 1 centavo.

Gesmo permanece ativo – comprando imóveis de milhões e alugando-os a deputados federais e ex-ministros da Fazenda. Declara-os à Receita, para perguntar o mínimo?

Palocci continua ministro – alugando imóveis milionários de plantadores de laranja e portadores de alentadas folhas corridas. A quem declara ele pagar os alugueres, para perguntar o mínimo?

Gesmo é personagem típico da era PT. Gesmo é mais do mesmo.

Share

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado

194 Comentários

  • luis renato

    -

    9/6/2011 às 16:35

    O meliante saiu debochando de todo mundo com direito a discurço de despedida e falando que se sacrificou pelo bem da nação. É muita cara de pau . Ainda tivemos que engolir guela abaixo elogios da presidenta e da nova ministra . É estarrecedor saber que esse meliante traficante vai reabrir a empresa dos milagres .

  • Marcelo Renato

    -

    9/6/2011 às 10:00

    Brasileiros?????
    Pelo jeito aqui no Brasil as coisas só resolvem através do Paredon. Vai morrer muita gente boa mas vai morrer muito mais gente ruim.

  • Juçara

    -

    8/6/2011 às 15:48

    Esse Gesmo que alugou o apartamento ao paloci é filiado ao pt, de maua-sp, onde tem um prefeito petista, berço dos petistas…. ah bom… só queria entender…

  • EXTREMA DIREITA

    -

    8/6/2011 às 10:39

    CARO AUGUSTO, POR FAVOR, DEPOIS DA BOMBA NUCLEAR DISPARADA PELA FOLHA DE SÃO PAULO, QUE IMPLODIU O PALLOCCI, QUE CONTINUA GORDO E SORRIDENTE, VOCÊ PODERIA TOMAR UMA ATITUDE EXTREMAMENTE PATRIÓTICA PARA OS BRASILEIROS E PARA O EX-MINISTRO, DESANUVIANDO DE VEZ ESSA PECHA NEGATIVA QUE SE REFORÇOU COM A SUA RENÚNCIA. PEÇA À PRODUÇÃO DO “RODA VIVA” PARA CONVIDAR O PALLOCCI PARA EXPLICAR NO PROGRAMA O QUE REALMENTE, INTERESSA. O MINISTRO EM 2006 TINHA DECLARADO COMO PATRIMÔNIO TOTAL R$ 375.000,00 À RECEITA. EM 2010 a DECLARAÇÃO FECHOU EM , PELO MENOS R$ 7,5 MILHÕES. DIGITANDO NUMA CALCULADORA FINANCEITA TEMOS QUE : R$ -375.000 é PV ( Valor presente), 5 é 60 “n”,( tempo) , o valor futuro, “FV” é o VALOR FUTURO DE R$ 7,5 MILHÕES, OU SEJA O MÍNIMO, REPRESENTADO APENAS PELOS DOIS IMÓVEIS. ORA, CALCANDO A TECLA DA INCÓGNITA i”%”, TEMOS QUE O EX-MINISTRO OBTEVE UMA VARIAÇÂO PATRIMONIAL POSITIVA DE ESCABROSOS E OBSCENOS 5,11%( CINCO INTEIROS e ONZE CENTÉSIMOS POR CENTO AO MÊS), DURANTE TODO UM LONGO PERÍODO DE 60 MESES, QUANDO O MERCADO, PARA QUANTIAS APLICADAS ACIMA DE R$ 1 MILHÃO, PAGA TÃO SOMENTE, EM CASOS RARÍSSIMOS, 1% AO MÊS. PARA DAR MAIS PROCEDÊNCIA TÉCNICA AO EXEMPLO AQUI DADO, CONVIDE COMO DEBATEDORES, UM ECONOMISTA DE PESO, COMO O LUIS CARLOS MENDONÇA DE BARROS E/OU GESTORES DE GRANDES FORTUNAS DE IDÊNTICO PESO, COMO O GUSTAVO CERBASI OU O ARMÍNIO FRAGA. GARANTO A VOCÊ, QUE VAI SER , PELO MENOS PARA MIM, O MELHOR ” RODA VIVA” DE TODOS OS TEMPOS, PORQUE A CHALEIRA VAI FERVER. QUERO VER A CARA DO PROCURADOR GERAL DA REPÚBLICA DEPOIS DESSA, DO SECRETÁRIO DA RECEITA FEDERAL, DO CONTROLADOR GERAL DA UNIÃO, A DO SENADOR ROMERO JUCÁ E A DO EX MINISTRO DO STF SEPÚVEDA PERTENCE QUE, AO INVÉS DE DIZER BOBAGENS, DEVERIA ESTAR EM CASA CUIDANDO DOS NETOS, TODOS ELES DEFENDENDO PALLOCCI. EU PRECISO APRENDER SOBRE EM QUE INSTITUIÇÃO ELE CONSEGUE REMUNERAÇÃO CADENCIADA MENSAL DE MAIS DE 5% AO MÊS, COM SEGURANÇA, POIS ESTOU VENDENDO ALGUNS DE MEUS IMÓVEIS, COM BAIXÍSSIMA RENTABILIDADE DE ALUGUÉIS, PARA BUSCAR MELHORES TAXAS NO MERCADO FINANCEIRO, MAS MESMO COM QUANTIA PESADA, NÃO ENCONTREI NADA ALÉM DE 1% AO MÊS. SERÁ QUE ESSES 5% SÃO REMUNERAÇÃO PRIVILEGIADA EM TROCA DE INFORMAÇÔES DA MESMA NATUREZA?

    Ótima ideia, amigo. abração

  • VICENTE CAVALIERE

    -

    7/6/2011 às 18:23

    Para o Geraldo, de 11:43.
    Caro amigo, veja o meu comentário abaixo sobre os “invasores petralhas”.
    Eles – os milicianos petralhas – estão sim em todas as atividades. Na Receita Federal, ficam procurando com afinco, nas declarações do imposto de renda, qualquer coisa que possa servir como motivo de perseguição ao cidadão correto.
    Eu também já sofri na pele tal tipo de “inquisição”, pois, inadvertidamente, cometi um erro no preenchimento. Tive um desconto (válido) glosado e, além disso, de pagar a diferença de imposto e uma multa considerável.
    Abraços. Não esmoreça. Nós ainda expulsaremos esses invasores…

  • Fabio Nelli

    -

    7/6/2011 às 13:47

    Augusto, uma coisa me intriga, se o caso Palocci e serio assim, esse trafego de influencia merece punição severa, deixar os politicos resolver e isso e claro que vai terminar sempre em pitizza, pois boa parte tem tambem em seu curriculo baleado, fazem barulho mas na hora mesmo, silencia.
    Então porque a OAB, MP, ATE PARTIDOS de oposição nao entram diretamente com ação de improbidade administrativa no STF, solicitando uma liminar de afastamento do ministro imediata ate seu julgamento.
    Fica transparecendo que nossas instituições atuais estão com medo de enfrentar o PT, falam, falam mas não vão a luta.

  • Geraldo

    -

    7/6/2011 às 11:43

    Amigo Augusto, por infelicidade acreditei na lisura da Receita Federal em vêz de procurar a ineficiência da justiça, e por isso até hoje, após quatro anos sou perseguido pela Receita como um marginal, mesmo que a cada vê que lá compareça pergunte; continuo devendo algo? Me respodem ; nada. Vejo novamente uma nova convocação através do recibo da declaração anual. A pergunta que não me cala;
    a) Como a justiça desconhecem os paradeiros dos foras da lei? Como a Receita Federal não consegue conferir os dados destes senhores? Será que todos, eu digo todos, na Receita esta a serviço desta turma? A nossa salvação é que as pessoas teham conhecimetos das suas colunas e de outros que compartilham dos ideias de uma democracia verdadeira, honesta e que benificie a sociedade, mas cuidado, lembre-se de Celso Daniel e de sue irmão que esta exildado

  • Geraldo

    -

    7/6/2011 às 11:26

    O que esperar dos grupos de sindicalistas que estão estranhados em todos os departamentos públicos deste país? A quem interessa que esta turma de criminosos continuem a aumentar suas investidas no erário público, senão o Partido dos trabalhadores? Quando a sociedade organizada fará ecoar o grito da sua indignação? Quando esta sociedade sentirá que também é tortura, ver um ser humano sofrendo as augúrias num hospital, enquanto estes ladrões que são nossos torturadores se beneficia das verbas que evitaria tantas torturas e sofrimentos? Como dizia um gaúcho; “A SOCIEDADE ESTA SENTADA EM CIMA DE UM PREGO, POR ISSO SÓ FAZ GEMER. QUANDO A DOR AUMENTAR, AÍ SIM, SAÍRA DE CIMA DO PREGO”. Que esta dor aumete logo para que ela saía de cima do prego.

  • Eric Daniel

    -

    7/6/2011 às 11:17

    Enfiar a cabeça no chão, é especialidade de AVESTRUZ na Africa e do Poder Público no Brasil.
    Sem mais palavras….!!!

  • GUARARAPES

    -

    7/6/2011 às 10:41

    Ninguém ainda percebeu que o APARTAMENTO ALUGADO PELO CONSULTOR é DELE MESMO!!!!…ELE ” PAGA ” O ALUGUEL PARA DESCONTAR NO IMPOSTO DE RENDA… LAVAR DINHEIRO….E ESCONDER MAIS UM PATRIMÔNIO USANDO ESSE ENORME LARANJAL QUE ELE POSSUI…

  • Jussara

    -

    6/6/2011 às 21:58

    Augusto Nunes é o melhor texto do jornalismo brasileiro!

  • Ana Maria G.

    -

    6/6/2011 às 21:54

    Muito bom, Augusto!

  • Cws Multiradio

    -

    6/6/2011 às 20:52

    SERÁ ISSO VERDADEIRO???(se for,seria para manter o emprego…ou para livrar o Rabo Preso também???)>>>
    PGR informa Dilma que decidiu arquivar pedido para investigar Palocci

    seg, 06/06/11
    por fausto.siqueira |
    categoria Todas

    O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, fez chegar à presidente Dilma Rousseff sua decisão de arquivar o pedido de investigação do ministro da Casa Civil, Antonio Palocci.

    Com isso, segundo fontes do Palácio do Planalto, “a bola está com Palocci”.

  • regina celia

    -

    6/6/2011 às 20:15

    Mas o Sarnei declarou agora em reportagem ao jornal
    dA Band,que a culpa desse embrolho todo é da Imobiliaria que alugou o ap.Oremos…

  • andré martins de andrade jr.

    -

    6/6/2011 às 19:56

    Ótimo Augusto!
    A nossa Receita decaiu muito durante o governo do Lula e continua escorregando no de Dilma.Aliás, já quando Dilma estava na Casa Civil protagonizou imensa vergonha quando mentiu sobre seu encontro com a secretária da Receita sobre o caso Sarney.
    As instituições estão indo para o esgoto no governo dos Sindicalistas.

    nsa vergonha negando o contato com secretária da Receita.

  • rudimar glapinski

    -

    6/6/2011 às 19:39

    Augusto, nos seriados americanos, o que se mais ouve é : follow the money!!!!! Esta expressão é usada para ver onde o dinheiro foi parar, neste nosso caso, onde o dinheiro “do” Palocci foi parar???!!! Ponho entre aspas por suspeitar que o dinheiro “do” Palocci seja, em ultima análise, nosso dinheiro, desviado em tantas esquinas de Brasila, embora saiba que Brasilia nao tem esquinas, nas ruas, mas dentro dos prédios…..
    Abracos Rudimar

  • ito

    -

    6/6/2011 às 19:14

    Plagiando Ataulfo Alves:”A canalhice dessa gente é uma arte”..Já que o governo adora slogans que tal esse Augusto? “TIRE OS CORRUPTOS DO FUTURO DO BRASIL:NÃO VOTEM EM PETISTAS E SEUS ALIADOS”.Vamos começar já nas próximas eleições.PT sózinho não consegue nada.Abraços

  • SANTANA

    -

    6/6/2011 às 19:01

    Aguardemos o tão esperado pronunciamento do Sr.Procurador Geral da República, cabendo a ele o papel de desqualificar-se e ao governo, caso rejeite uma investigação oportuna sobre mais um dos inimputáveis, nada tão grave para eles, quando o próprio STF atua e decide inconstitucionalmente, ávido em justificar sua permanente e abjeta bajulação do poder, revestida de deplorável demagogia.

  • Maria

    -

    6/6/2011 às 17:41

    O tal de Dayvini é funcionário da prefeitura de Mauá que é governada pelo PT.
    Não precisa falar mais nada.

  • Chechi Jr.

    -

    6/6/2011 às 17:10

    Jean Valjean? Não seria um Javert?

    Bem, no livro os “Miseráveis” de Victor Hugo, salvo engano, o nome do perseguidor implacável não era Jean Valjean.

    Mas depois do PT no poder, já não se sabe de mais nada.

    Você está certo, caro Chechi. O texto foi corrigido. Abração, Bruno Abbud

  • ricardo carvalho

    -

    6/6/2011 às 16:27

    Bela analise, meu caro Augusto. Ele pagou à quem ? Foi com cheque ou em dinheiro vivo ? Se foi com cheque, vamos chegar lá. E se foi com dinheiro vivo ? Será a prova definitiva de que o homem está nadando em dinheiro escuso.E bota escuso nisso…

  • VICENTE CAVALIERE

    -

    6/6/2011 às 15:55

    Tempos atrás, a partir de 1967, eu assistia à série “Os Invasores” (“The Invaders”) na extinta TV TUPI, no Rio de Janeiro. O tema da série versava sobre alienígenas que tomavam a forma humana com o objetivo de conquistar a Terra.
    De acordo com a história, eles já estavam infiltrados (aparelhamento) em todas as instituições e atividades do planeta: na política, no sistema judiciário, nas universidades, na polícia, nos quartéis, nos bancos etc. Seu sistema de informações era perfeito, de modo que sabiam as preferências políticas dos cidadãos e controlavam as suas contas bancárias e outros dados sigilosos, além de controlar a receita federal. Assim, manipulavam as leis a seu favor, influíam nas decisões políticas e na opinião pública e perseguiam todos os cidadãos que pretendiam combatê-los.
    A única forma de identificá-los era por meio de seus dedos mínimos das mãos, os quais eram rígidos por não possuírem articulações.
    Hoje, vejo que a realidade imita a ficção.
    Vemos os invasores petralhas aparelhando todas as instituições e atividades nacionais. Quem é contra eles é perseguido pelos “milicianos”. Até os blogs são invadidos com mensagens ameaçadoras, enviadas por anônimos fanáticos, a maioria com URLs de órgãos públicos. Seu objetivo é a tomada do poder (ou melhor, eles já estão no poder e pretendem agora o poder absoluto), não importando o meio que utilizem para obtê-lo. A corrupção, o cinismo e a mentira são ferramentas de trabalho.
    Em tempo, por coincidência, o líder dos petralhas também tem um problema com o dedo mínimo da mão…
    Augusto, seja o líder da nossa resistência a esses invasores!

    Caro Vicente, como vai? O Augusto está gravando o Roda Viva, volta para ler este e os outros comentários no fim da tarde. Abração, Bruno Abbud

  • Paulão

    -

    6/6/2011 às 15:08

    Boa tarde Augusto,
    Seus leitores querem saber o que o palhoffi declarou nos últimos anos, na DIRPF, sobre os aluguéis pagos? Basta que o chefe da quadrilha (vulgo lulladrão) libere seus espiões na Receita Federal, para que eles peguem essa informação sem risco de represálias. Pois, hoje, quem ousar abrir as Declarações do palhoffi na RF certamente será alvo de processo administrativo por “acesso imotivado”. Mas, se os caciques que mandam e desmandam no desgoverno da COISA determinarem essa pesquisa, tudo bem, não haverá punições.

    Caro Paulão, como vai? O Augusto está gravando o Roda Viva. Vai ler este e os outros comentários mais tarde. Abraços, Bruno Abbud

  • Angelo

    -

    6/6/2011 às 14:54

    Senhores,a pergunta que não quer calar,existe Lei
    nestePaís?,sim existe,existe justiça nestePaís?,sim
    existe,já que existe porque não cumpri-las?????
    Quanta safadeza existente nestePaís,e ainda querem
    uma vaga no Conselho de Segurança na ONU.!!!!!!

  • Celso Arnaldo

    -

    6/6/2011 às 14:47

    Craterus, das 10:51

    Perfeitíssima sua observação: na versão pensada,que precede a escrita em segundos, eu me situava como um Jean Valjean perseguido pela Receita. Na versão final, acabei invertendo o raciocínio, mas não troquei o personagem. O perseguidor de Os Miseráveis é o inspetor Javert, evidentemente — Augusto, por favor, providencie a troca!!

    Para a Receita, aliás, os políticos é que são miseráveis — no único sentido positivo do termo. São milionários, declaram tostões, a Receita aceita e fica por isso mesmo.

    Abração e muito grato

    Celso Arnaldo

    Troca feita, caro Celso Arnaldo. Abração, Bruno Abbud

  • Guilherme Macalossi

    -

    6/6/2011 às 14:29

    Augusto, existem certas imagens que são emblemáticas. Acredito que esta foto, no site do Terra, é uma imagem de nosso tempo e vale ser postada no História em Imagens.

    http://noticias.terra.com.br/brasil/noticias/0,,OI5171227-EI7896,00-Em+meio+a+crise+politica+Chavez+pede+forca+a+Palocci.html

    Chávez consola Palocci. Na foto dois estilos de um mesmo mal. De um lado a esquerda radical, viúva do muro de Berlim, representante do stalinismo farofeiro. Do outro, a esquerda moderada, que trocou a guerrilha criminosa pela multiplicação de patrimônio. Metades que se completam e formam mais uma imagem da triste Era da Mediocridade.

    Caro Guilherme Macalossi, como vai? Aproveito para informar que o Augusto está gravando o Roda Viva. Voltará para ler este e os outros comentários no fim da tarde. Abração, Bruno Abbud

  • Ivone

    -

    6/6/2011 às 14:19

    O supercomputador T Rex e o Software Harpia que a Receita Federal colocou em funcionamento estão sendo devastadores com a sonegação de dados ao Imposto de Renda.
    Senhores auditores-fiscais, expliquem (com todos os detalhes) à sociedade quem é quem neste imbróglio dos apartamentos do Palocci.

  • rinaldo

    -

    6/6/2011 às 14:06

    Não tem nada de consultoria isso é golpe.
    O que tem é lavagem de dinheiro, ex: o lulla cobra 500.000,00 por falar besteira,ele já recebeu la atras, agora ele esta lanchando no imposto de renda. lavagem de dinheiro.

  • rinaldo

    -

    6/6/2011 às 14:00

    Augusto, esse sujeito é mandado embora ou pede sair e acaba tudo? Não vão investigar de onde realmente veio este dinheiro?
    vai ficar por isso mesmo?

  • Katia

    -

    6/6/2011 às 13:40

    Augusto,
    Quanta pouca vergonha nesse governo!
    Agora entendo porque o Palocci não quer revelar o nome dos clientes.Tenho uma teoria mirabolante: quem sabe este Gesmo é um dos clientes do Palocci ? Isto explica o fato da receita federal deixar ele sonegar tranquilo. Quantos milhoes sera que ele pagou ao Palocci? Qual será o perfil desonesto dos seus outros clientes? Que corja horrorosa. Cadeia é pouco para eles. Deviam tambem prestar serviços à comunidade como aqui nos EUA: varrer as ruas(Paris Hilton), limpar os banheiros de necrotério(como fez Lindsay Lohan) por crimes infinitamente menores.
    Augusto, só podemos contar com voce e uma parcela da imprensa.A oposição não fala nada e o povo não se manifesta nas ruas. Acorda Brasil! Temos dezenas de milhões de eleitores que votaram contra esse governo, inclusive eu, que perdi um dia inteiro indo votar no consulado. Onde está a nossa voz?

  • gaúcha indignada

    -

    6/6/2011 às 12:55

    A quadrilha vai ser EXTERMINADA! UFA!!!!!! E vai faltar CAMBURÃO.

  • Paola

    -

    6/6/2011 às 12:54

    É uma delícia ler esses posts, Augusto

  • Marcondes

    -

    6/6/2011 às 12:54

    Meu Prezado Antonio Machado!
    Gostei de seu comentário, mas quanto às esposas e filhos…
    “Com o tempo e a lábia criminosa desses canalhas, esposas e filhos entram na dança e, na maioria das vezes, gostam do melado.
    É só lembrar Filhos de Lula, Lobão, esposas, netos, cachorros, papagaios, de toda essa gentalha da politica BRASILEIRA.
    NÃO ACREDITO em hipótese nenhuma e não tenho pena de nenhuma esposa e filho desses pilantras. Eles todos sabem sim o que acontece ao redor.
    Ou então são outros tantos mentirosos quanto esse CAFAJESTE de marca maior chamado Lula que nada viu nada soube e nada ouviu.
    C A F A J E S T Ã O LULA QUE DEVERIA ESTAR PRESO DENTRO DE UM CUBICULO DE 1X1 DE AÇO FECHADO.

  • Maria

    -

    6/6/2011 às 12:48

    As consultorias se resumem no ‘milagre da multiplicação dos pães” Incredulidade, despreparo, falta de inteligência em aceitar argumentos tão inaceitáveis? Lembro de Lula quando comprou um avião e nos tachou de mesquinhos pelo simples fato de questionarmos as dificuldades do Brasil para uma aquisição desnecessária no momento. Mas, sempre nos conformamos, pois se fosse um menos influente todos caiam em cima , mas enquanto existir corporativismo e uma Justiça com a venda nos olhos aceitamos tudo, engolimos goela abaixo até os livros editados pelo MEC com erros grosseiros, as provas do ENEM, eles fazem e desfazem e o povo simplesmente diz amém PT.
    Como trocar uma consultoria bem sucedidade por um simples salário de minisro da Casa Civil?

  • edson

    -

    6/6/2011 às 12:41

    A cada novo escandalo protagonizado pelo partido dos transbiqueiros, seja material ou moral, é mandado um aviso de que nesse´país vale tudo. Essa lição é totalmente aprendida por aqueles que vivem de malfeitos, sejam agregados aos orgâos públicos ou não. Não é por outro motivo que a delinquencia está cada vez maior e que a vida humana não vale um centavo. O exemplo vem de cima,

  • Marcello Castellani

    -

    6/6/2011 às 12:28

    Tenho absoluta certeza que o tal Gesmo é petista de carteirinha…

  • Marcello Castellani

    -

    6/6/2011 às 12:24

    O governo Dilma começou atrapalhado, como uma tartaruga bêbada. Perdida, paralisada, olhos fixos no nada. A “gerentona” agora mostra-se verdadeira. Verdadeira como aquela que conseguiu quebrar uma lojinha de 1,99. Só falta agora ela “demitir” o Palocci e recolocar em seu lugar a “competente” Erenice 6%. Para o que começou como um nada manter-se como um zero à esquerda não custa nada.

  • Silva

    -

    6/6/2011 às 11:57

    Augusto vamos deixar de ser injustos com Palocci, veja bem – nem Madre Tereza, Gandhi, São Francisco de Assis tiveram tanta abnegação como ele. O cara monta uma empresa que o deixa milionário em menos de 04 anos, e fecha o negócio para trabalhar para o povo brasileiro em detrimento da própria família… somente encontramos isso entre os Petralhas. Como são preocupados com nosso bem estar!!!

  • MARIAZINHA DE JESUS OLIVEIRA

    -

    6/6/2011 às 11:55

    Há que acrescentarmos a todas as análises já feitas com grande talento pelo excelente jornalista Augusto Nunes, mais uma: o Sr. Palocci disse que encerrou seus contratos e, portanto, antecipou o recebimento. Ora, tais contratos, para que todos nós possamos entender, funcionam tal qual se contrata um advogado: paga-se as custas do processo, e ao final, se ganha a causa, paga-se a remuneração, digamos 20% da causa. Ou seja: o Sr. Palocci teria a receber uma taxa de sucesso, como se utiliza ultimamente, ao final do Contrato. Se ele encerra tais contratações antes (portanto, ao final de 2010 ele encerrou vários contratos), como poderia ter ganho? Não poderia ter ganho, pois tais sucesso não havia se concretizado. Portanto falha o argumento apresentado na entrevista ao Jornal Nacional. Mas (sempre se pode ter um mas), digamos que as empresas para as quais prestava serviço o Sr. Palocci tivessem algum contrato com o Governo ou pedisse empréstimo ao BNDES, elas poderiam adiantar a taxa de sucesso, pois que com certeza, sendo o ministro mais forte do Governo Dilma, naturalmente que o sucesso estava garantido. Também se pode pensar em outra hipótese: “sobra de campanha” (que na verdade é desvio do que recebeu para a campanha), legalizada por uma empresa de fachada com contratos de fachada. Mas como saber a verdae? Bem… Teremos que ver quais foram as empresas e quanto elas obtiverm do Governo (inclusive dos Bancos, do BNDES, da Receita Federal, etc) e quanto doaram para a campanha…
    Augusto você é o Bem lutando contra o mal. Continue firme e que Deus sempre te proteja e ilumine. Rezo por ti.

    Obrigado, cara Mariazinha. Um abraço

  • Fernando

    -

    6/6/2011 às 11:53

    O nme da empresa que alugou o apartamento ao Palocci é Lion ….a qual deve ser traduzido para o portugues Leão @ Leão a mesma que o multiplicador de pães $$$$$$$ estava envolvido em Ribeirão Preto. Seria interessante pesquisar por este lado.

  • Francisco Cunha

    -

    6/6/2011 às 11:45

    Desta vez, pelo que observo, até mesmo os milicianos estão dando a mão à palmatória.

  • freetibet

    -

    6/6/2011 às 11:41

    Ai que tédio! E nós!? Reféns, nesta ilhota bananenífera, de sarneis, malufs, lulas e palhoffis, embrutecedores de lágrimas e risos crocrodilelianos, tipo engana velhinhos e universitários mais a mídia alugada e locupletários! Inda que a Velhinha de Taubaté ande desconfiada ante evidências evidenciadas, aposte que afinal, mesmo roubando, a propaganda é cada vez mais bonitinha, o que a leva crer em um final feliz para a pífia governabilidade…pífia! Pergunto, até quando? Suportaremos a empáfia, pérfida dos doutores em criminosas folhas corridas!?

  • O Vampiro de Curitiba

    -

    6/6/2011 às 11:30

    Perfeito, Celso Arnaldo! Perfeito!

  • AEduardo

    -

    6/6/2011 às 11:19

    Augusto
    Parabéns a você pela postagem de texto tão brilhante do Celso Arnaldo. Desculpe por achar que o mesmo era
    somente tradutor! Está certo. Sua qualificação de “caçador de cretinices” o qualifica na análise de
    tão espantosa novela.
    Sejamos mais explícitos. A casa literalmente caiu,meu irmão!
    Questão só de “arrumação” de gavetas, para a evacuação. Avisa aí na VEJA para irem preparando a capa da edição de sábado.
    Abraço grande, neste início de semana que promete.

  • Arthur Moura

    -

    6/6/2011 às 11:03

    Augusto Nunes:

    No site da OAB Nacional o Advogado Gesmo Siqueira dos Santos aparece como inscrito na subseção da OAB de Mauá, onde a imprensa noticiou que ocorreu outra quebra de sigilo fiscal envolvendo o PT e desta vez contra o Serra nas eleições passadas.

  • Craterus

    -

    6/6/2011 às 10:51

    Vou partir do princípio que nenhum locatário precisa (ou tem de) conhecer (se encontrar com) o locador. Porém, dizer que alugou um apartamento através de uma imobiliária sem sede e/ou com endereço falso, parece incrível para um consultor de tamanho sucesso/capacidade…
    Por outro lado, e parafraseando P.T. Barnum (o P.T. é, no caso, de Phineas Taylor), alguém já perdeu alguma coisa apostando na ignorância dos brasileiros?
    Abraços.

    P.S – O texto ficaria melhor se trocasse “…um Jean Valjean da Receita…” por “…um Javert da Receita…”. Afinal Javert era o “perseguidor implacável” e Jean Valjean o “perseguido”.

    É com você, Celso Arnaldo. Grato, Craterus. abração

  • Rosana Diôgo

    -

    6/6/2011 às 10:37

    VI A PROPAGANDA FEDERAL E SEU SLOGAN DO “PLANO BRASIL SEM MISÉRIA – JÁ PENSOU QUANDO ACABARMOS, DE VEZ, COM A MISÉRIA?”
    EU JÁ PENSO HÁ MUITO TEMPO:QUANDO VIRMOS FORA PALOCCI,HADADD,SARNEY,RENAN,DIRCEU,LULLA E CIA…

  • VICENTE CAVALIERE

    -

    6/6/2011 às 10:36

    Augusto, perdão por fugir do assunto.

    Ollanta Humala venceu as eleições no Peru.

    Será que acabou de nascer um novo “Hugo Chavez”???

    Abraços

  • Regina Célia

    -

    6/6/2011 às 10:35

    Texto impecável.

  • Jose do Rêgo

    -

    6/6/2011 às 10:34

    É estranho!… O cara gosta de se envolver em aventuras perigosas. Primeiro FRANCENILDO PEREIRA, agora, envolve-se com um locatário que tem o nome enrolado na polícia. Essa CASA CIVIL tem sido mesmo um problema. DILMA a única séria, jamais pensou em indicar uma, que a exemplo de JOSÉ DIRCEU, chefe do MENSALÃO foi demitido por LULA. PALOCCI foi demitido por LULA e indicado pa a CASA CIVIL por LULA. DILMA, toma cuifdado. Toma tento e demite o ANTONIO PALOCCI e o HADADeles dois te atrapalham!… Es tu a PRESIDENTA e fostes eleita por um povo que espera muito de te. Indica tu os teus MINISTROS e segue com teu governo, tens o apoio popular.

  • Destaques

  • Homem sem Visão

    José de Abreu, Luis Fernando Veríssimo, Renan Calheiros e Vágner Freitas disputam na enquete o título de HSV de Agosto

  • Direto ao Ponto

    Dilma revela que chimpanzés e orangotangos não são fofoqueiros

  • Feira Livre

    Caiado é aplaudido no mesmo restaurante em que Alexandre Padilha foi vaiado

  • Direto ao Ponto

    Dilma é um Felipão no Planalto

  • Opinião

    J. R. Guzzo: ‘Velório em câmera lenta’

  • Entrevista

    José Serra no Roda Viva

  • História em Imagens

    A pior entre as piores discurseiras de Dilma em 2015

  • Mais recentes

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados