“O médico é o monstro” e outras seis notas de Carlos Brickmann

Publicado na Coluna de Carlos Brickmann O ministro da Saúde, Marcelo Castro, disse que vai torcer para que as mulheres peguem zika antes do período fértil, porque assim não precisarão tomar vacina. O ministro não está no cargo por competência, mas por integrar, no PMDB, a ala contrária ao impeachment. Apesar de sua torcida declarada, […]

Publicado na Coluna de Carlos Brickmann

O ministro da Saúde, Marcelo Castro, disse que vai torcer para que as mulheres peguem zika antes do período fértil, porque assim não precisarão tomar vacina. O ministro não está no cargo por competência, mas por integrar, no PMDB, a ala contrária ao impeachment. Apesar de sua torcida declarada, continua no cargo. E, por favor, não diga que foi brincadeira: é melhor ser imbecil puro do que imbecil sem noção, que faz piada com doença grave, com mulheres grávidas cujos bebês são ameaçados pela hidrocefalia e pela incompetência do governo.

Enquanto Sua Excelência faz graça com a família dos outros, o governo americano estuda a possibilidade de alertar suas cidadãs grávidas para que não visitem o Brasil, por causa da zika (e da chikungunya, da dengue ─ sem falar de balas perdidas). Segundo o The New York Times, esta seria a primeira vez em que o Centro de Prevenção e Controle de Moléstias Infectocontagiosas, CDC, aconselharia mulheres grávidas a evitar uma região específica. O perigo é real: o médico Lyle Petersen, diretor de Doenças Transmissíveis por Mosquitos do CDC, já encontrou o vírus zika em quatro bebês brasileiros. Dois morreram no útero, e dois, ambos com microcefalia, logo após o parto. Segundo o jornal, há grandes probabilidades de que a recomendação de evitar o Brasil seja efetivada, e sem grande demora. A proximidade dos Jogos Olímpicos do Rio, com ampla capacidade de atração de turistas jovens, faz com que a decisão seja urgente.

E no exterior, sr. ministro Marcelo Castro, não se brinca com saúde pública.

Retrato do Brasil

A repercussão catastrófica da piadinha do sr. ministro levou-o a dizer que o governo liberou mais R$ 500 milhões para o combate à zika. Sua Excelência ainda não aprendeu o valor do silêncio: R$ 500 milhões é bem menos do que o governo liberou de Fundo Partidário, para que os políticos façam campanha eleitoral às nossas custas.

O importante não é a saúde, é escapar do impeachment.

Brasil 3×4

O orçamento proposto por Dilma previa R$ 311,3 milhões para o Fundo Partidário. Mas era importante agradar aos partidos: Dilma precisa do sugestivo número de 171 deputados para livrar-se do impeachment e, apesar da falta de dinheiro, apesar do déficit, apesar de contar com farta fonte de receita que não existe (a CPMF, que não foi aprovada e terá dificuldade em passar), aumentou a fatia de Suas Excelências para R$ 819,1 milhões ─ sim, estamos em ano eleitoral. Há ainda mais R$ 9,09 bilhões para que os 594 deputados e senadores usem a seu critério (em geral, pequenas obras onde têm votos). São R$ 15,3 milhões por parlamentar.

E o governo acha caríssima a vacina antizika: R$ 200 por pessoa.

Brasil para todos

Que ninguém imagine que o Fundo Partidário multiplicado sirva apenas para financiar a campanha dos políticos governistas. Não: na hora de provar o pudim, todos são comensais. O PT leva a maior parte, como maior bancada; o PSDB, o maior partido daquilo a que se convencionou chamar de oposição, fica com aproximadamente 80% da verba do PT, e um tiquinho a mais que o PMDB. Mas a distribuição é ampla: Levy Fidélix, capitão do nanico PRTB, já se queixou de que seu partido tinha de se manter com apenas R$ 100 mil mensais (isso, claro, antes do milagre da multiplicação de verbas). Em 2015, o PCO, que não ganhou nenhuma cadeira no Congresso, ganhou R$ 1,3 milhão do Fundo Partidário.

Brasil, sil, sil

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu ao Supremo a cassação do mandato do deputado federal Vander Loubet (PT-MS). A principal acusação é participar de irregularidades em contratos da Petrobras. Mas Loubet é mais que isso: fundador do PT no estado, sobrinho do ex-governador Zeca do PT, é acusado da prática de 110 crimes: 99 referentes a lavagem de dinheiro, 11 a corrupção.

Quantas pessoas têm ficha tão farta? E ele ainda está lá.

Brasil supremo

Nos Estados Unidos, um país reconhecidamente pobre, apenas um magistrado em todo o país tem direito a carro oficial: o presidente da Suprema Corte. O Brasil é mais liberal. E agora, com crise e tudo, somos informados de que o Supremo Tribunal Federal está comprando quatro automóveis Azera, da Hyundai, a R$ 155 mil cada. O STF já tem oito Azera. Cada ministro, portanto, terá seu carro oficial Azera, e um fica na sobra ─ sabe como é, de repente um auto precisa ir para a revisão e o ministro não vai ficar a pé, certo?

Nos Estados Unidos, os ministros podem ter carros bem mais luxuosos que o Hyundai Azera; se quiserem um Rolls-Royce, um Bugatti, um Mercedes Maybach, estará à sua disposição. Basta que o comprem com seu próprio dinheiro e ninguém tem nada com isso.

Brasil, frente e verso

Ninguém pode dizer, entretanto, que não há governo no país. Há: na última terça-feira, dia 12, a presidente Dilma Rousseff sancionou a Lei 13.248, que institui em todo o país o Dia do Tambor de Crioula, a ser comemorado no dia 18 de junho em todo o país, já a partir deste ano.

O Tambor de Crioula é uma festa folclórica de origem africana, com muita dança, tradicional no Maranhão ─ e só lá.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    antonioa

    a isquerda vive de fantasias, mentiras, propagandas e de roubar dinheiro de quem trabalha.Por nao fazerem nada de util, vivem falando e fazendo besteiras.

    Curtir

  2. Comentado por:

    Ivo

    Em vez de azera muitos mereciam um zero.

    Curtir

  3. Comentado por:

    Alberto

    Carmen Lúcia disse para termos a coragem dos canalhas…

    Curtir

  4. Comentado por:

    Paulista

    Estão cuidado da microcefalia e deixam passar acefalia? Seres como esse dotô tem a mesma aridez que a “presidanta”, ambos com cérebro baldio.

    Curtir

  5. Comentado por:

    cristina

    Parabéns Carlos B. ,pela SOVA que vc deu nesse ministro!!!!!!Isso aí deve ser daquele tipo de médicu que fez medicina numa faculdadezinha de QUINTA!!!! Um açougueiro, do nível dos” médicos” cubanos!!!VERGOOOONHA!!!Que desânimo dá viver nesse país ,governado por essa CORJA de INCOMPETENTES!!!!!

    Curtir

  6. Comentado por:

    mario

    PQP !!! Quanto mais leio sobre políticos, mais recordo da revolução francesa!

    Curtir

  7. Comentado por:

    FORA PT DESGRAÇADO!

    Isso mesmo ministro sinistro! Que tal fazer uma campanha para infecção em massa? Se o povo pegasse todas as doenças autoimunes que existem, não precisaríamos nos preocupar com prevenção, né? Depois, como aprimoramento, tipo PAC 2, o governo poderia promover a remoção da cabeça para prevenir a cefaleia, do estômago para prevenir úlceras e por aí vai. Que economia em remédios! Olha só que ideia coerente com a sua inteligência! Mas a ideia mais barata de todas e a mais eficiente também é a REMOÇÃO do seu governo do poder. Contra vocês nós já estamos vacinados.

    Curtir

  8. Comentado por:

    Moi

    18 de junho, Dia do Sarney. O Maranhão venceu.

    Curtir

  9. Comentado por:

    Mais do que partidos !

    Dear Augusto,
    Os partidos políticos lotearam o ESTADO, a disputa pelo cargos que controlam as políticas públicas é apenas mais uma profissão regulamentada e não uma missão cívica e patriótica, aumento de impostos é a rotina predileta dentro os 3 poderes!
    Sua distinta leitora abaixo confessou, que pararia de ler sobre notícias políticas, com um certa razão, estou numa fase mais avançada, uso dos absurdos que leio, sobre as politicagens esquerdopatas, para me inspirar!
    Qual seria o maior nível de maldade possível na política brasileira em 2016? É o povo tomar vergonha na cara e não votar em NENHUM CANDIDATO de partidos vermelhos! Pronto! Assim ficará mais fácil para malhar o psdb e o pmdb, as verdadeiras aberrações fisiológicas, amadas pelo pt!
    Os fatos são claros, o poder executivo precisa deixar de ser um playground, o legislativo precisa deixar de ser a fila da mendicância aos cofres públicos e poder judiciário, precisa deixar de ser a mamãe que passa a mão na cabeça, de quem não cumpre a lei da responsabilidade fiscal !
    A felicidade dos servidores públicos eleitos e de seus partidos, não pode estar baseada no sofrimento do povo, isso é TIRANIA! Quanto tempo o povo vai demorar para entender o significado dessa palavra?
    Uma coisa é certa, a discussão deixou de ser ideológica, se algum dia o foi e passou a ser midiática!
    Vejo a propaganda da justiça eleitoral, sobre identificação biométrica e me lembro do esquema de falsificação do ponto, cometido por funcionários públicos numa unidade de medicina! No Brasil será possível literalmente ROUBAR votos, de posse de documentos falsos e de uma cópia do polegar, poderemos eleger quem quisermos!
    Um país que não tem competência nem para identificar seus cidadãos, não poder ter 40 partidos políticos, algo está muito ERRADO!
    Dilma deu uma ótima idéia para o protesto do dia 13/03/2016, levem TAMBORES para as ruas! VAMOS FAZER MUITO BARULHO BRASIL !
    FORA DILMA, FORA PT, FORA PMDB !

    Curtir

  10. Comentado por:

    Sargentellio

    A Jandira Feghali foi proibida de aparecer na TV. As criancas ficam chorando com medo e é um custo para elas irem dormir…

    Curtir

  11. Comentado por:

    Eu quero impeachment

    Não adianta ficarem gastando o nosso dinheiro pra nos convencer de que o impeachment enfraqueceu.
    E a maioria da população quer o impeachment também. Só precisamos demonstrar isso aos parlamentares indecisos.
    Eu votei SIM aqui:
    http://www.votenaweb.com.br/projetos/impeachment
    Eu assinei aqui:
    http://www.proimpeachment.com.br
    E estou ajudando a divulgar.
    QUEM CANSA, PERDE.

    Curtir

  12. Comentado por:

    Ricardo M

    Parece até que o povo fez um acordo de leniência com o governo.
    Mas não é um acordo,sejamos realistas.Essa população não tem a mínima capacidade de decodificar a engenharia maligna do populismo que a escraviza.
    Ah! Antes de mais nada,quero que saibam que não estou me referindo apenas aos nossos iletrados e analfabetos funcionais,longe disso. A capacidade de indignação entre nós parece durar mais ou menos uns cinco minutos,quando expostos a algum fato mais escabroso no noticiário
    regular,cuidadosamente descuidado de ser mais abrangente e incisivo.
    Se você reclamar com qualquer um nas ruas de sua cidade,sobre qualquer coisa em que o protagonismo do governo se mostra opressor ,incompetente ou omisso,ganhará apoio imediato! E pára por aí.
    A inação do cidadão é uma atitude conformada diante do gigantismo articulado de um estado interventor em tudo onde possa se infiltrar,normatizar,perseguir e tributar,como esse que se apresenta. Qualquer reação parece inútil.
    Raciocínio até óbvio demais.Se os “poderosos”,políticos e partidos,ditos e tidos como lideranças,nada conseguem fazer,o que dizer “nós”?
    Se a imprensa e as demais mídias não vão além do que as reclamações mais exaltadas de pré jornais exaltados com a violência sanguinária na televisão,o que fazer?
    Esse sentimento de impotência se instalou muito facilmente na população,que percebe o novo Ministério da Chave de Fenda com resignação.
    Uma imprensa com sentimento cívico e atuante seria muito mais efetiva do que anos de doutrinação escolar e movimentos de mobilização civis.
    Um papel didático das mídias verdadeiramente interessadas em retirar essa sociedade do abismo é a única possibilidade viável de reverter os caminhos que conduzem o país para a ruptura. A exposição diária dos desmandos e crimes perpetrados de forma sistemática e continuada contra nossa nação e sua população.
    Sem essa atitude ousada e patriótica,não esperem nada dessa oposição conivente,continuaremos a ser eternamente a terra da autocomiseração e desespero.

    Curtir

  13. Comentado por:

    toninho

    Já existe o projeto na Câmara esperando a sanção da Presidenta do dia nacional da CACHIROOOOOLA, que será fabricado pelo empresário carlinhos o baianinho amiguinho da Marta Suplycio.

    Curtir

  14. Comentado por:

    Marquês de Casca Fina

    Essa aí do Marcelo Castro mostra claramente uma MENTALIDADE NAZISTA.
    É inconfundível.

    Curtir

  15. Comentado por:

    Geraldo Pereira

    O Brasil dos PTralhas é esse aí. Nada é importante a essa corja, que tomou de assalto o País, a não ser continuar no poder. Os brasileiros que se danem. Enquanto a população não se educar, teremos governantes como esses.

    Curtir

  16. Comentado por:

    Jacinto

    Daqui a vinte anos, a multidão de microcefalicos vai ter nome: “Geração Dilma”. Vão dar um trabalho danado nos Ambulatórios de Psiquiatria.

    Curtir

  17. Comentado por:

    Jacinto Armando Boccanella – PE

    Cara, cansei do Brasil. Não dá mais! Mas, peraí: está chegando o carnaval. Só um tempinho ainda para pensar.

    Curtir

  18. Comentado por:

    JBT

    Que absurdo!!! Estou deveras chocado… Então, caros patrícios, compareçam às urnas e escolham bem seus representantes municipais, para darmos início às reformas de que tanto necessitamos. Papai Noel existe.

    Curtir

  19. Comentado por:

    Dora

    Mas o Brasil merece. Se esse povo miserável, explorado for ao carnaval sambar…ahhh.. Vamos ver como será o carnaval…rs Vamos ver quanto de indignação tem esse Brasil. Eu já postei minha frase: “Nesse carnaval troque o abadá pelo verde e amarelo e proteste já contra a corrupção! Acho que não teria melhor momento para demonstrar. Todos na rua. Vamos convidar os artistas, muitos ganham das prefeituras para fazerem shows. Proteste já!

    Curtir

  20. Comentado por:

    Gilberto Dieterich

    O BRASIL NÃO É UM PAÍS. Isto aqui é casa da mãe Joana, interpretada pela dilma. A prostituição dos políticos ofende as verdadeiras prostitutas.

    Curtir

  21. Comentado por:

    analu

    O que não falta à nossa desgovernanta incompetenta é crime de responsabilidade!
    Estão esperando o quê???

    Curtir

  22. Comentado por:

    julia

    Só uma perguntinha,Augusto: o ministro da saúde, este tal de Marcelo Castro, tem filha nao chegada a idade fértil ainda?
    Se ele tem, devemos mandá-lo levar um virozinho Zica pra casa e fazer um teste pra ver se sua tese tem fundamento.

    Curtir

  23. Comentado por:

    ana

    Dilma, Dilm, ai, ai, ai, você nao sabe o que te espera pelas maldades que anda fazendo com o tao sofrido povo brasileiro. Destinar tanto dinheiro para este bando de políticos incompetentes que arruinam o Brasil e tao pouco para a saúde? Dilma, Dilma, seja mais temente a Deus!

    Curtir

  24. Comentado por:

    Lucilene

    GIlberto Dieterich ( 21:59)
    De fato, a prostituição dos políticos ofende as prostitutas. Elas, ao contrário dos políticos, negociam seu próprio patrimonio, e não o patrimônio público.

    Curtir

  25. Comentado por:

    Andrade

    Ministro: Falar uma asneira dessa? Melhor seria saudar a mandioca, ou ficar calado.
    Já dizia o filósofo: “fala para que eu te veja”
    Vimos.

    Curtir

  26. Comentado por:

    JUDGE DRIVER

    Brickmann. Ainda sobre os Azera dos juízes. Tem ainda o agravo do quanto custa CADA MOTORISTA desses Azeras. Conforme todos sabem, um motorista a aserviço de servidores da justiça, seja federal, seja estadual, é um pequeno ganhador de lotofácil, e outras lotos , mensalmente. Tudo isso pago “por nóis mano”.

    Curtir

  27. Comentado por:

    Diego de Lareina

    Mas no dia do “Tambor de Crioula” será feriado nacional, não é? Se não, que graça tem? Este governo petista já não é mais o mesmo. Dão pouco valor às coisas que realmente contam e que podem retirar este país da crise econômica, política e moral em que se encontra.

    Curtir

  28. Comentado por:

    delmo oliveira

    Caro Brickmann;
    Muito oportuno seu artigo, vivemos um momento no nosso B-R-A-S-I-L onde o cinismo, o escárnio, o deboche, a sacanagem etc, chegaram a patamares insuportáveis, e tudo começou a partir de janeiro de 2003, tudo em nome do projeto de perpetuação do poder pelo Lulopetismo. Precisamos livrar nosso B-R-A-S-I-L desta petezada e aliados.

    Curtir

  29. Comentado por:

    Ruy

    “De acordo com especialistas da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI), o grande número de turistas nas capitais com tradicionais carnavais de rua, como Recife, Salvador e Rio de Janeiro pode contribuir para a disseminação da doença. As informações são da BBC Brasil.
    O “coquetel explosivo” do carnaval é composto pelos seguintes fatores: grandes aglomerações de pessoas, em geral com poucas roupas e, portanto, mais vulneráveis às picadas do Aedes aegypti (mosquito transmissor do zika, dengue e chikungunya), maior possibilidade de chuvas e quantidade de lixo nas ruas, o que aumenta a chance de proliferação do mosquito.
    “Se a pessoa vai para uma capital com grande Carnaval de rua, é picada e infectada pelo zika e volta para sua cidade mas lá não há o mosquito, ela vai adoecer, se tratar, e tudo bem. Agora, se o local de origem tiver o Aedes, o mosquito pode picar essa pessoa, receber o vírus e introduzir a doença num local até então livre dela”, explica Nancy Bellei, coordenadora de virologia clínica da SBI, à BBC Brasil.(site de Veja, 19/01/16)
    Outra preocupação é em relação ao aumento de relações sexuais desprotegidas nessa época, que podem causar gestações indesejadas. Sabe-se que grávidas infectadas pelo zika correm risco de ter bebês com microcefalia. “Segundo o último boletim divulgado pelo Ministério da Saúde na semana passada, dos 3.530 casos de microcefalia relacionados ao zika em todo o país, 1.236 estão em Pernambuco, o primeiro Estado com mais ocorrências. Em segundo está a Paraíba, com 569 casos, e em terceiro a Bahia, com 450 ocorrências. O Rio de Janeiro, que também recebe muitos foliões, está em 9º lugar, com 122 casos.”(site de Veja, 19/01/16)
    Um governo criminoso, que mentiu e omitiu dados, desistiu desavergonhadamente de combater o Aedes Aegypti, culpando uma população leiga pela disseminação fora de qualquer controle deste gravíssimo vetor de epidemias variadas e, portanto ignorante dos graves riscos que corria, agora novamente se omite de divulgar um alerta internacional para os riscos da contaminação pelo Zica virus por turistas internacionais que para cá acorrerao. Agem nossas autoridades governamentais como o prefeito ganancioso e omisso do filme “Tubarão” de Steven Spielberg.

    Curtir

  30. Comentado por:

    wilson

    Tivemos a geração Beat, a Y e agora a geração Dilma.

    Curtir

  31. Comentado por:

    Simone

    A geração de bebês com microcefalia associada ao Zika vírus é um crime contra a humanidade pelo qual todos os membros deste governo genocida deveriam ter que pagar com a própria vida.

    Curtir

  32. Comentado por:

    jamal abdel jabbar amer

    se o ministerio da saude fosse ocupado por um profissional de saude e por merito,nao precisariamos ouvir um deste falando besteira, e o que falta no sus é prevençao, e nao distribuiçao de medicamentos que so aumentam o lucro das industrias, vamos administrar o ministerio da saude como se faz no hospital de cançer de barretos e as santa casas, que dai aparece eficiencia, a proliferaçao de mosquito é falta de higiene e fiscalizaçao efetiva dos municipios e incompetencia da maioria dos politicos,veja o que o tsunami de mariana provou, que o brasil tem impostos padrao fifa e serviços padrao banlgadesh, politicos mineiros covardes, começando pelo prefeito que liberou a liçença, cadeia nele

    Curtir

  33. Comentado por:

    Razumikhin

    Desministro da Çaúldi.

    Curtir

  34. Comentado por:

    joão alves

    Mais um louco no governo da rainha também louca

    Curtir

  35. Comentado por:

    Bandido

    Se este ministro fosse decente, a dilma não lhe nomearia,mas como é um dos membros da ORCRIM,ela lhe cobre de razões.

    Curtir

  36. Comentado por:

    eu

    Esse “ministro” é completamente despreparado. Coisas da asna mor.

    Curtir