Blogs e Colunistas

18/01/2011

às 9:56 \ Música

Os 10 momentos decisivos que mudaram a história do rock

O que seria do rock sem aquele disco que influenciou todo mundo, aquele show que ninguém esquece, aquele instante em que uma pessoa comum tornou-se o herói dos jovens mundo afora? A seguir, dez melhores momentos dessa história.

Por Giancarlo Lepiani

10. Junho de 1967: os Beatles lançam ‘Sgt. Pepper’s’

Da famosa capa, criada pelo artista Peter Blake e fotografada por Michael Cooper, às suas treze faixas, gravadas ao longo de 129 dias nos estúdios Abbey Road, em Londres, Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band é o álbum mais influente da história do rock. Seu lançamento teve impacto imediato: as inovações sonoras apresentadas em canções como A Day in the Life e Lucy in the Sky with Diamonds causaram espanto. Mas o disco ficou longe de ser uma obra prima incompreendida por estar muito à frente de seu tempo – apesar de marcar uma notável evolução, virou grande sucesso em quase todo o mundo. Ruim, só para as outras bandas – afinal, quem mais conseguiria gravar um álbum tão genial?

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

50 Comentários

  1. Magnus Kenji

    -

    16/05/2011 às 18:50

    Mt legal o top, mas esqueceram de citar “pink floyd lança Dark side of the moon” e sgt pepper’s deveria estar em 1º. Apenas pequenos detalhes

  2. abiloni

    -

    11/05/2011 às 11:45

    e kraftwerk? precursores da musica eletrônica?

  3. Pepem

    -

    03/04/2011 às 15:27

    @Penitência: grande Elvis !!!
    (Devia ter mencionado tbM os Stones, mas, lógico, just a bit lower…)

  4. Pepem

    -

    03/04/2011 às 15:19

    Como não dar TODA A RAZÃO PARA O LUIZ COM Z?
    Na minha opinião todos os dez primeiros lugares teriam ser para… THE BEATLES. POR ÓBVIO.
    OK para outros (Beach Boys), nada a ver com o punk (barulho e porcaria [e fácil de fazer) e grunges, condenável a falta de Hendrix, Clapton, Floyd, LED, WHO e mais um monte, para os depois dos 10.

  5. Rafaela Abrantes

    -

    04/03/2011 às 15:46

    Muito boooooooom!

  6. Thiago Felício

    -

    04/03/2011 às 12:01

    Merecia 1º lugar !!!

  7. Isabel D. N. Almeida

    -

    24/02/2011 às 17:12

    Pleno acordo com o encontro de Lennon e McCartney, mas acho que deveria vir em primeiro lugar…eles foram totalmente revolucionários e inovadores!

  8. Augustus

    -

    04/02/2011 às 22:10

    Yes com Close To The Edge, sua obra prima, de 1972. Close To The Edge é a obra prima do Rock Progressivo e do Rock Sinfônico.

  9. Valdir

    -

    02/02/2011 às 15:59

    faltou marcos do rock nacional, mas por cima ficou legal

  10. eu

    -

    23/01/2011 às 15:55

    Como puderam se esquecer do dia q a musica morreu?

  11. Fábio Baldan

    -

    22/01/2011 às 10:50

    Cadê o Dark Side of The Moon do Pink Floyd??!!
    Aquilo sim foi uma revolução nas mixagens de álbuns em estúdio!!

    E colocar o u2 na lista? o Floyd desbamca facilmente metade das bandas que foram sitadas..

    É uma pena.. é uma lista mais pessoal do que coerente

  12. Bruna

    -

    21/01/2011 às 12:28

    Vocês se esqueceram da participação das mulheres no Rock.
    Esqueceram-se de Joan Jett, por exemplo, com o The Runaways e com a música “I Love Rock N Roll”.

  13. Gilberto

    -

    21/01/2011 às 8:14

    Deep Purple.

  14. Gabriel

    -

    21/01/2011 às 1:51

    Honestamente, acho que faltou mais rigor nos critérios. Não nego que esses são momentos importantes do rock, agora eles serem os DEZ MAIS importantes é extremamente discutível. Cito apenas dois fatos, não nominados, como exemplo: a criação do Led Zeppelin e o lançamento de The Dark Side of the Moon, pelo Pink Floyd. Creio que desbancariam o Under a Blood Red Sky do U2, e o Live Aid facilmente.

  15. patricia

    -

    20/01/2011 às 11:45

    Ai, meu Deus!!! Faltou tanta gente interessante…Dylan, Floyd, Hendrix, Stones… Até se a gente for enumerar, acaba esquecendo mesmo. Concordo plenamente com Beach Boys e Beatles! Eles foram demais na inovação.

  16. Marcelo

    -

    20/01/2011 às 10:20

    Deixar os Stones fora da lista e incluir o Live Aid deve só pode ser uma brincadeira de mau gosto.

  17. Luis Joly

    -

    20/01/2011 às 0:22

    Questiono alguns pontos, mas fico feliz em ver que os dois primeiros itens são absolutamente corretos!

  18. Medeiros

    -

    20/01/2011 às 0:19

    Um dos momentos decisivos que mudaram a história do rock:
    A saída compulsória de Syd Barrett e a entrada de David Gilmour na banda de rock progressivo Pink Floyd e posteriormente a feitura do álbum The Dark Side Of The Moon (TDSOTM)com técnicas de estúdio – o mesmo dos Beatles: Abbey Road – e outras inovações de mixagem surpreendentes para a época, como o primeiro loop na canção Money.
    Syd Barrett, fundador e líder guru do PF, formulou o conceito psicodélico tanto nas letras e nas músicas em si quanto no visual dos shows da banda inglesa, mas a esquizofrenia tornou seu afastamento inevitável, e seu amigo guitarrista DG o substituiu. DG foi fundamental para a evolução do grupo que revolucionou o rock a partir do álbum TDSOTM.

  19. ailton marques

    -

    19/01/2011 às 22:03

    Elvis??? KKK Onde está Chuck Berry e buddy holly??

  20. Cássio Xavier

    -

    19/01/2011 às 13:49

    Opa, melhor ler toda a lista antes de comentar…

  21. Cássio Xavier

    -

    19/01/2011 às 13:45

    “afinal, quem mais conseguiria gravar um álbum tão genial?”
    Os Beach Boys!

  22. Ricardo

    -

    19/01/2011 às 13:09

    A falta de leitura e interpretação é 1 caso serio, o assunto em questão aqui é “momento” e não a lista de banda a melhor ou a que fez melhor musica, prestenção tião.

  23. Marcos Vinícios Ramos

    -

    19/01/2011 às 12:50

    Mas valeu pela versão alternativa de “A day in the life”

  24. Marcos Vinícios Ramos

    -

    19/01/2011 às 12:49

    Colocar o US a frente do Sgt. Peppers foi o maior absurdo. Tá muito concentrado nos anos 80, uma fase nao tao criativa pro rock, e esqueceu de grandes bandas anteriores.

  25. Millemiglia

    -

    19/01/2011 às 11:48

    Acho o primeiro álbum do Pink Floyd (The Piper At Gates Of Dawn – 1967) mais ousado e experimentalista que Sgt. Peppers. O problema é que ele teve o azar de ser lançado praticamente ao mesmo tempo que o álbum dos Beatles. Deixar Pink Floyd e Led Zeppelin de fora da lista é loucura (concordo com o Bruno). Essas duas bandas tiveram enorme influência na história do rock.

  26. João Paulo

    -

    19/01/2011 às 11:33

    Faltou os shows do Buddy Holly para uma plateia exclusivamente de negros entre 16 e 22 de agosto de 56 no teatro apollo em NY. Se Elvis trouxe a musica negra para os brancos, Buddy Holly fez os negros aceitarem um branco cantar como eles.
    O proprio desastre de avião do Holly (dia que a musica morreu) poderia ser citado como o fim de uma era.
    E, a 1ª transmissão via satélite da história, com os Beatles cantando “All you need is love”

  27. miro

    -

    19/01/2011 às 11:28

    faltou informação,os conhecimentos e a pesquisa deixam a desejar.
    falar do ROCK é muito pessoal, vai da preferencia.
    DYLAN / ERIC CLAPTON /J HENDRIX / DOORS /

  28. Marcelo J Ratti

    -

    19/01/2011 às 11:17

    Esqueceram ainda dos Rolling Stones…

  29. Edmilson José Augusto

    -

    19/01/2011 às 11:17

    Concordo com o Ethevaldo Pontes… Essa lista certamente foi feita pelo estagiário… Certamente, quando Nirvana estourou ele tinha uns 12 ou 13 aninhos e aí comprou uma camisa de flanela xadrez pra morrer de calor aqui nos trópicos. Fazer uma lista de melhores, maiores e mais importantes do rock é sempre uma temeridade… Mas esquecer de gente como os já abaixo citados e muitos outros que serão citados é uma temeridade maior ainda.

  30. luis adolfo gonzalez

    -

    19/01/2011 às 11:15

    não faltou um tal de Jimi Hendrix?

  31. Erick Rabello

    -

    19/01/2011 às 11:01

    Quando os Beatles mandaram dois vídeos para o programa de Ed Sullivan para a divulgação do Single de Paperback Writer/Rain, não se deram conta de que estavam oficializando a indústria do vídeoclipe.
    Outra coisa foi quando o Queen, numa viagem musical, produziu o álbum de rock mais caro da história (àquela altura) e presenteou o mundo com um single que unia o rock à ópera. Ao longo do tempo, “Bohemian Rhasody” se tornou a música do século escolhida pela critica inglesa.

  32. maikom cunha

    -

    19/01/2011 às 10:49

    como assim, deixaram the doors e morrison fora, juntamente com o jerry lee lewis….nos 10 mais rock!!!!

  33. Medeiros

    -

    19/01/2011 às 9:29

    Se colocou The Beatles, deveria ter incluído necessariamente outros revolucionários, consagrados pela crítica e público, como: Pink Floyd, pelo rock progressivo psicodélico e pelo álbum The Dark Side Of The Moon; AC/DC, pelo hard rock e pelo álbum Back In Black (e Highway To Hell); e Led Zeppelin, com o folk-hard rock e o álbum LZ IV.
    Qual o critério para a relevância da escolha dos 10+ pela colunista?
    Menos ácido e mais pesquisa, cara editora colunista do 10+, que suponho que tenha nascido a partir da década de 80.

  34. DIDIROCK

    -

    19/01/2011 às 1:08

    O cara que escreveu esta lista deve estar completamente louco ! Cadê o PINK FLOYD e a maior de todas, LED ZEPPELIN ? Fala sério.

  35. Mauro Michel

    -

    18/01/2011 às 18:17

    Realmente show do U2 e Live Aid é dose. Pelo menos Led Zeppelin IV ou Ok Computer do Radiohead. Faltou alguém do metal Sepultura(Roots), Metallica(Kill Em All) e Iron Maiden(Number Of The Beast).

  36. Marcelo Lessa

    -

    18/01/2011 às 17:28

    A grande diferença dos Beatles é que eles fizeram um grande número de músicas em períodos de tempo curtíssimos. Haja vista que eles lançavam álbuns novos a acada 6 meses, que banda fez isto? E lógico com uma qualidade musical que beira a perfeição. Eles além de inovarem em muito a música, tocando em diversos estilos, vide o álbum BRANCO(com a música Revolution) , REVOLVER, SG.Pepers,a qualidade e a intensidade das melodias que eles imprimiam as músicas parece não ser produto de nenhum ser humano, de tão fantástica que são estas musicas. E tudo isto antes dos 30 anos de idade. Assim como as pirâmides do Egito, os Beatles até hoje ainda são uma incógnita para a humanidade!

  37. ANTONIO VICENTE

    -

    18/01/2011 às 16:40

    TAMBEM VOU MANDAR MINHA LISTINHA!!
    1 – Michael Jackson – thriller
    2 – Pink Floyd – The dark side of the moon
    3 – The Doors – The End
    4 – The Who – My generation
    5 – Legião urbana – Que Pais é esse
    6 – Led zeppelin III
    7 – Stevie Ray Vaughan – Tudo
    8 – Genesis – The musical box
    9 – The moody blues – Nights in white satin
    10 – Mutantes – Panis Et Circenses

  38. @FelixZiul

    -

    18/01/2011 às 15:58

    Faltou Black Sabbath e Led Zeppelin… O Led é umas das bandas mais injustiçadas da historia do rock, vide que a Rolling Stones nunca fez uma crítica positiva a mesma e numa lista como essa, tbm falta o Led. Vamos respeitar as caras!!! ò_ó
    O doquinha que criou essa lista deve ser bem fã de Restart pra esquecer Led Zeppelin e Black Sabath e por U2 e Live Aid nesta lista, provavelmente ele gostaria de pôr Restart, por ser um movimento revolucionario colorido dentro do Rock’n Roll, + axo que não teve coragem pra colocar!!! rsrsrs

  39. Fernando

    -

    18/01/2011 às 15:48

    Faltou tanta coisa nessa lista. Mas acho que o Rock and Roll não pode ser definido em apenas 10 momentos. A história desse senhor na 3a idade é composta de inúmeros momentos importantes. Vale lembrar que o U2 não participa de nenhum desses momentos.

  40. João Coradini

    -

    18/01/2011 às 15:38

    o CARA AI QUE FEZ ESTA LISTA TÁ DE BRINCADEIRA, CADE O BLACK SABBATH, DEEP PURBLE, RAINBOW, LED, ACDC, DIO ESTE “ROKINHO” DOS ANOS 90 É ROCK DE GAY.

  41. Luiz com Z

    -

    18/01/2011 às 15:34

    Todos insistem em Sgt. Pepper, que consolidou a psicodelia e botou uma orquestra sinfônica interagindo com o rock’n'roll, mas não podemos esquecer nunca que o Revolver, lançado em 1966, foi o verdadeiro disco revolucionário. O Sgt. Pepper meteu o pé na porta, mas quem a abriu foi o Revolver. Só o rock Taxman seguido pela canção com quarteto de cordas (sem banda!) Eleanor Rigby seguida pela dissonante I’m Only Sleeping seguida pela tonal-que-queria-ser-modal Love You To já seriam o suficiente pra caracterizar uma revolução na música; mas eles quiseram um LP completo (sem contar o compacto Paperback Writer/Rain), e seguiram-se mais dez faixas num mosaico que jamais tinha sido visto de harmonia, dissonância e flerte com a música modal da Índia. Sgt. Pepper foi mais uma maneira de dizer “se vocês não entenderam o que dissemos com Revolver, vamos falar mais alto E DESENHAR pra ver se vocês entendem”. E aí parece que funcionou, tanto que só lembram do Sgt. Pepper. :)

  42. Caio Campagni

    -

    18/01/2011 às 15:33

    não da para levar a serio nenhuma lista que fala de rock e não fala de Rolling Stones, Pink Floyd, Led Zepellin. Rock vai muito além do Google.

  43. Dedex

    -

    18/01/2011 às 15:26

    U2? Live Aid? Vcs tão brincando comigo né?

    Cadê o Chuck Berry na lista? Cadê o lançamento do Dookie do Green Day, que praticamente iniciou o movimento Pop Punk?

    Daqui uns 10 anos, anotem ai, o Restart estará na lista como “O início do movimento colorido.” Querendo ou não, eles são a banda mais badalada do momento no Brasil.

  44. Ethevaldo Pontes

    -

    18/01/2011 às 13:05

    Não sei em que o show do U2 e o Liv e Aid mudaram a história do rock? Algum rapazote, que acha que o mundo começou nos anos 80, fez a lista, certamente. Esquecer Carl Perkins, Chuck Berry, Pink Floyd, Led Zeppelin é desconhecer a história.

  45. Bruno

    -

    18/01/2011 às 12:29

    Não colocar ac/dc e Pink Floyd nessa lista ai é loucura…mas como em toda lista alguém tem que ficar de fora!

  46. Fiori

    -

    18/01/2011 às 12:16

    Show do U2 e Live Aid entre os 10 grandes momentos do Rock é pegar pesado. A importância destes dois eventos só encontra paridade a eleição do Aiatolá Lula da Silva como imperador do Brasil.

  47. Augusto

    -

    18/01/2011 às 12:06

    Quem mais conseguiria? Pink Floyd gravaria Animals, The Wall; Led Zeppelin gravaria Physical Graffiti; Há que se dizer que, em termos de experimentalismo, há albuns muito mais ousados e rutpores que o álbum dos bons moços de Liverpool. O mérito deles foi conseguir trazer inovação sem soarem estranhos demais. Assim, puderam unir o pop com o rock. Essa é a razão de atribuírem o tal sucesso do álbum e da tal “maior contribuição desde o surgimento da Terra”.

    No que tange a musicalidade, aos arranjos, aos conceitos, Frank Zappa lançou um álbum ainda mais interessante em 1965, mas Zappa permaneceu como aquele tipo de influência underground ou vanguardista ao mesmo tempo. Ele não se tornou pop e, por isso, não recebeu o título de grandmaster. Mas se eu tivesse de escolher uma influência tecnicamente, escolheria Zappa. Se tivesse de escolher o tipo de carreira, escolheria Beatles, sem dúvida.

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados