PUBLICIDADE

Home  »  Revistas  »  Edição 2164 / 12 de maio de 2010


Índice    Seções    Panorama    Brasil    Negócios    Internacional    Geral    Guia    Artes e Espetáculos    ver capa
Conversa com Geraldo Luís

"Estou vivendo sem sexo"

O apresentador Geraldo Luís, de 38 anos, passou um
ano afastado do Balanço Geral SP, um programa de jornalismo
exibido pela Rede Record. Voltará a comandá-lo no fim deste mês,
mas está muito mudado


André Eler

Divulgação Tv Record
Geraldo Luís
"O que estou fazendo aqui?"


O que mudou em você?

Agora, procuro um amor verdadeiro. Quero alguém que veja que as coisas simples são mais importantes do que um carro ou um corpo.

Ser apresentador de TV ajuda nessa busca?
Não, atrapalha. A TV é uma ilusão, uma destruição de caráter. As mulheres do meio se enganam. Fora aquele corpo gostoso, aquele bumbum maravilhoso, aquele silicone, elas precisam ter mais.

Mais o quê?
Ninguém gosta de mulher feia, mas as pessoas estão vazias demais. Tem homem que sai com uma mulher e vai para a cama com ela no mesmo dia. Se eu for, eu brocho.

Isso já aconteceu?
Quase. Só não brochei porque desisti antes. Na hora, pensei: "O que estou fazendo aqui?". Preciso de envolvimento, aquela coisa do cheiro da pele, do bater do coração.

Você não acredita que as mulheres se apaixonam verdadeiramente por você?
Muitas se apaixonam pelo Geraldo Luís, mas eu quero alguém apaixonado pelo Geraldo. Enquanto não acho essa pessoa, estou vivendo sem sexo, casado comigo mesmo.

Há quanto tempo você está assim e por quanto tempo ficará?
O prazo não é importante. Não é questão de dia nem de meses. Na TV, sexo é a coisa que mais tem, mas o que eu menos quero.

 
EDIÇÃO DA SEMANA
ACERVO DIGITAL
PUBLICIDADE
OFERTAS



Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados