BUSCA

Busca avançada      
FALE CONOSCO
Escreva para VEJA
Para anunciar
Abril SAC
Publicidade
REVISTAS
VEJA
Edição 2089

3 de dezembro de 2008
ver capa
NESTA EDIÇÃO
Índice
SEÇÕES
Carta ao Leitor
Entrevista
Stephen Kanitz
Leitor
Millôr
Blogosfera
PANORAMA
Imagem da Semana
Holofote
SobeDesce
Conversa
Números
Datas
Radar
Veja Essa
 

Guia
Em busca da ligação
mais econômica

Cada minuto de ligação do Brasil para os Estados Unidos, em
telefone fixo, pode custar 5 centavos ou 1 real – vinte vezes mais.


Monica Weinberg
mweinberg@abril.com.br

Istock Photo

Tamanha diferença se deve ao aparecimento, nos últimos anos, de diversas alternativas às linhas convencionais. E elas, muitas vezes, são mais baratas. Nenhuma faz uso dos velhos cabos, típicos da tradicional telefonia fixa. Algumas funcionam por meio da internet ou da TV a cabo. Outras, por sistemas semelhantes ao dos celulares. Uma detalhada análise de preços, qualidades e limitações dos serviços aponta prós e contras de cada uma das cinco alternativas mais populares no Brasil. Na comparação com uma linha comum, elas costumam estar mais sujeitas a quedas de ligação e ainda padecem de instabilidades semelhantes às da telefonia móvel, como a falta de sinal. Por outro lado, podem, sim, significar uma economia relevante. No fim, a variação de preços não deixa dúvida: vale a pena pesquisar.

Livre Embratel
O que é: telefone fixo que prescinde de fios ou de uma base. O sinal, enviado a partir de uma torre de transmissão, como a dos celulares, permite que esse aparelho seja usado, também, fora de casa
Como funciona: apenas com aparelhos de telefone compatíveis com o serviço. Para fazer uso dele, é preciso pagar uma mensalidade
Quando é mais vantajoso: nos casos em que se usa bem pouco o telefone. Isso porque nenhuma outra operadora oferece um plano tão barato: 24 reais por mês, para fazer qualquer tipo de ligação
Comentário: nem sempre o telefone funciona bem na rua. Depende da cobertura local. É bom saber também que apenas quatro tipos de aparelho são compatíveis com o serviço e não é possível ter extensões na casa

Net Fone
O que é: aparelho que realiza chamadas telefônicas por meio do sistema de internet de banda larga ou da televisão a cabo
Como funciona: é preciso ter um dos dois serviços oferecidos pela NET. Um adaptador liga o telefone à rede de cabos. O pacote básico custa 35 reais por mês
Quando é mais vantajoso: se a pessoa costuma telefonar muito para outras que também dispõem do serviço. Nesse caso, as ligações na mesma cidade são gratuitas e as interurbanas saem pelo preço de uma chamada local
Comentário: se a rede da NET cai, o que não é tão raro, o telefone não funciona

Lailson Santos
5 CENTAVOS
POR MINUTO

É o que paga a estudante de medicina Carolina Olmos, 24 anos, quando liga para os Estados Unidos por meio do Skype: "Comparei os preços e concluí que essa era a opção mais econômica"


Skype
O que é: programa de computador que possibilita fazer ligações por meio da internet usando uma conexão de banda larga. O mesmo software pode ser instalado no celular
Como funciona: deve ser baixado do site www.skype.com, de graça. Além de efetuar ligações de um computador para outro a custo zero, permite chamar telefones celulares ou fixos em qualquer país. Para isso, é preciso adquirir créditos no site
Quando é mais vantajoso: para ligações internacionais, as tarifas são imbatíveis. Telefonar para os Estados Unidos custa 5 centavos o minuto, em qualquer horário. É cerca de 80% mais em conta do que o preço médio cobrado pelas operadoras
Comentário: a qualidade depende da rapidez da conexão na internet. O mínimo exigido para uma ligação sem interrupções nem atrasos na recepção da voz é uma velocidade de 384 kbps. Para poder receber chamadas no computador, é preciso fazer uma assinatura, serviço que custa algo como 10 reais por mês

Uol Voip
O que é: alternativa brasileira ao Skype, que, como ele, permite realizar ligações por meio da internet
Como funciona: o programa pode ser baixado gratuitamente do site http://voip.uol.com.br e instalado no computador. Além das chamadas sem custo entre computadores, faz ligações para qualquer telefone, caso em que é preciso comprar créditos. Com a assinatura de um número fixo, de até 10 reais por mês, passa também a receber chamadas
Quando é mais vantajoso: em ligações interurbanas e internacionais. Um telefonema para São Paulo de qualquer cidade brasileira, não importa o horário, custa 7 centavos por minuto – cerca de 30% menos do que o cobrado no mercado
Comentário: as tarifas são semelhantes às do Skype, com uma vantagem: o serviço que permite receber ligações está disponível em 37 cidades brasileiras, contra dez do Skype

TIM Fixo
O que é: telefone fixo que demanda um chip e utiliza a rede GSM, tal qual ocorre com os celulares
Como funciona: com um único aparelho da TIM, que custa 164 reais, ou com um chip específico, vendido pela empresa por 15 reais. Colocado em qualquer celular, ele passa a operar exclusivamente como telefone fixo. O plano mensal básico sai por 30 reais
Quando é mais vantajoso: em ligações para celulares da operadora, situação em que a tarifa é até 30% menor do que a média cobrada no mercado
Comentário: por utilizar a mesma rede dos telefones celulares, está sujeito a problemas idênticos, como, por exemplo, a ausência de sinal. Também não permite extensões. Oferece tarifas mais baixas que as do TIM Casa, outro serviço da mesma operadora, que possibilita reunir num único aparelho um número fixo e um de celular



Publicidade
 
Publicidade

 
  VEJA | Veja São Paulo | Veja Rio | Expediente | Fale conosco | Anuncie | Newsletter |