Edição 1890 . 2 de fevereiro de 2005

Índice
Stephen Kanitz
Gustavo Franco
Millôr
Diogo Mainardi
Tales Alvarenga
André Petry
Roberto Pompeu de Toledo
Carta ao leitor
Entrevista
Cartas
Radar
Holofote
Contexto
Veja essa
Gente
Auto-retrato
Datas
VEJA Recomenda
Os livros mais vendidos
 
 

Guia

Como se tornar um cliente vip

Para segmentar os serviços e atender de forma diferenciada uma clientela com renda maior, os principais bancos criaram divisões premium. Em agências próprias ou em espaços à parte dentro da agência convencional, prestam atendimento diferenciado, com cafezinho e filas menores. Alguns oferecem serviços pagos, como portador (courier) para realizar pagamentos e até pequenos consertos domésticos. Fazer parte do grupo de clientes especiais pode ser mais fácil do que se imagina. Mesmo que não se preencham todos os requisitos anunciados – em geral, renda mensal acima de 4 000 reais ou poupança de 40 000 reais para aplicar –, pode-se negociar com o gerente, que é quem decide. Clientes com recursos próximos desses valores e com bom histórico costumam ser aquinhoados.

Prime (Bradesco)
Requer renda mínima de 4 000 reais ou aplicação a partir de
50 000 reais. De acordo com o saldo, ganham-se pontos que podem valer redução nas tarifas ou nos juros do cheque especial. As agências têm recepcionista, TV, informações financeiras, jornais e revistas. Das 7 às 22 horas, todos os dias, oferece courier.

Personnalité (Itaú)
Tem 82 agências exclusivas em todo o país. Oferece tarifas menores conforme os serviços que o cliente usa. Tem serviço de courier. Requer renda mensal superior a 5 000 reais e disponibilidade de 50 000 reais para investir.

Van Gogh (Real)
Oferece gerente por telefone todos os dias do ano, das 8 às 22 horas, e assessoria financeira exclusiva para investimentos, financiamentos e seguros. Há espaços diferenciados nas principais agências. Pede renda superior a 4 000 reais ou investimento de no mínimo 40 000 reais.

Uniclass (Unibanco)
Tem courier em São Paulo e no Rio de Janeiro e serviços que vão da compra de ingressos para espetáculos à indicação de arquitetos e decoradores. Um programa chamado Tarifa Zero reduz as taxas de acordo com a freqüência com que o cliente usa os serviços do banco. Exige renda igual ou superior a 4 000 reais ou investimento inicial mínimo de 50 000 reais.

EXCLUSIVO ON-LINE
Mais informações sobre
bancos premium

 

Ações sem sair de casa

Home broker é o nome do sistema que permite a qualquer pessoa investir em ações e acompanhar os resultados pela internet. O interessado deve escolher uma das 39 corretoras da Bolsa de São Paulo que oferecem o serviço. É por intermédio da corretora que são transmitidas as ordens de compra e venda.

Depois de uma pesquisa de custos – cada corretora tem sua política de taxas de corretagem e benefícios –, o iniciante obtém uma senha. Por meio dela pode se informar sobre opções de compra e venda. As corretoras também oferecem atendimento telefônico para tirar dúvidas e executar operações. Não há um valor mínimo para investir, mas para compensar os gastos com corretagem recomenda-se não empregar menos de 200 reais por operação. A média nos home brokers, porém, está em torno de
7 500 reais por operação. Como em qualquer investimento, informação é fundamental. A bolsa é arriscada para principiantes sem orientação. Aplicar todo o dinheiro em ações e investir em um pequeno número de empresas são decisões que aumentam o risco. Além disso, é preciso ter paciência para aplicar a longo prazo. A Bovespa oferece um curso pela internet (www.bovespa.com.br) e esclarece dúvidas pelo telefone (11) 3233-2178.

EXCLUSIVO ON-LINE
Como entrar em contato com as corretoras

 
 
 
 
topovoltar